Fones: (12) 3624-8602 / 3411-1940
Email: siteluzdoislam@gmail.com

Hierarquia dos Artigos
Início dos Artigos » O Caráter do Muçulmano » As Boas Maneiras no Trabalho
Tamanho da Fonte
As Boas Maneiras no Trabalho
Em Nome de Allah o Clemente o Misericordioso

Um dia um homem foi ter com o Rassulullah (Allah o abençoe e lhe dê paz) e lhe pediu que lhe desse algum dinheiro ou alimento. O Profeta (Allah o abençoe e lhe dê paz) lhe perguntou: “Você não tem nada em casa?” O homem disse: “Tenho alguns carpetes. Usamos uns para nos cobrir e estendemos outros, e uma vasilha que usamos para beber.” O Profeta (que Allah o abençoe e lhe dê paz) lhe disse: “Traga-os para mim.” O homem trouxe e o Rassulullah (que Allah o abençoe e lhe dê paz) as pegou e perguntou: “Quem compra isso de mim?” Um homem disse: “Eu compro por uma moeda de prata.” O Rassulullah (que Allah o abençoe e lhe dê paz) perguntou duas ou três vezes: “Quem dá mais que uma moeda?” Um homem disse: “Eu dou duas moedas.” O Profeta (que Allah o abençoe e lhe dê paz) lhas deu e pegou as duas moedas e deu ao Ansári, dizendo-lhe: “Compre com uma delas alimento para a sua família e compre com a outra um machado e mo traga.” O homem fez aquilo. Ao chegar, o Rassulullah (Allah o abençoe e lhe dê paz) colocou um cabo no machado com as próprias mãos e disse ao homem: “Vai cortar lenha e a vende, e não volte aqui antes de quinze dias.” O homem foi cortar lenha e vendeu-a. Depois de quinze dias retornou com dez moedas de prata. Comprou uma roupa nova e alguns alimentos. O Rassulullah (que Allah o abençoe e lhe dê paz) lhe disse: “Isso é melhor para si do que se apresentar no Dia da Ressurreição com o estigma de pedinte no rosto. A mendicância só pode ser feita por três tipos de pessoas: pelo extremamente pobre, ou pelo extremamente endividado, ou pelo que tem de pagar indenização dolorosa.” (Abu Daoud).

Os companheiros do Profeta estavam sentados com ele numa manhã. Eles viram um homem forte, andando apressado, indo para o trabalho. Os companheiros do Profeta ficaram admirando a sua força e vigor. Disseram: “Ó Rassulullah, se ele utilizasse a sua força pela causa de Allah seria melhor para ele.” O Rassulullah (que Allah o abençoe e lhe dê paz) disse-lhes, esclarecendo-os quanto ao trabalho benéfico: “Se ele trabalhar para cuidar de filhos pequenos, estará trabalhando pela causa de Allah; se trabalhar para cuidar de pais idosos, estará trabalhando pela causa de Allah. Se trabalhar por ostentação, estará trabalhando pela causa do Demônio.” (Tabaráni).

O Islam, portanto, é a religião da atividade tanto para esta vida como para a outra. Allah, Ta’ála, diz:

وابتغ فيما آتاك الله الدار الآخرة ولا تنس نصيبك من الدنيا] القصص: 77]. .

“Procura, com aquilo com que Allah te tem agraciado, a morada do Outro Mundo; não te esqueças da tua porção neste mundo.” (28:77). Allah, exaltado seja, ordenou a prática do trabalho na terra e o de se alimentar com o que ela produz. Ele diz:

هو الذي جعل لكم الأرض ذلولاً فامشوا في مناكبها وكلوا من رزقه وإليه النشور] الملك: 15]

“Ele foi Quem vos fez a terra manejável. Percorrei-a, pois, por todos os seus quadrantes e desfrutai das Suas mercês; a Ele será o retorno.” (67:15).

O Rassulullah (que Allah o abençoe e lhe dê paz) incentivou a atividade produtiva, dizendo: “Agem pois tudo está facilitado para o que foi criado.” (Mutafac Alaih – Relatado por todos os tradicionalistas).

Todos os profetas (a paz esteja com todos) foram o melhor exemplo para nós quanto ao trabalho e a atividade. Todos os profetas foram pastores de ovelhas. Cada profeta tinha uma profissão em que trabalhava. O Profeta Mohammad (que Allah o abençoe e lhe dê paz) participou com seus companheiros de várias atividades, sem se ter vantagem sobre eles, como aconteceu na construção da mesquita e na escavação da vala na batalha de Ahzab. Ele carregava pedras e terra.



As boas maneiras no trabalho e na atividade à procura do sustento que todo muçulmano deve seguir. Entre elas citamos:

Ter boa intenção: O muçulmano deve desejar, com o seu trabalho, sustentar-se de coisas lícitas e afastar-se das coisas ilícitas, fortalecer-se para as práticas dos rituais religiosos e para a povoação da terra.

Não atrasar o trabalho: O muçulmano termina o trabalho em seu devido tempo, sem atraso. O provérbio diz: “Nuca se deixa para amanhã o que se pode fazer hoje.”

O acordar cedo: O Rassulullah (que Allah o abençoe e lhe dê paz) disse: “Ó Allah abençoa os meus seguidores por acordarem cedo.” (Narrado por Tirmizi, Ibn Mája e Ahmad).

O ser aplicado no trabalho: O muçulmano vai ao trabalho com zelo e vigor, sem atraso ou preguiça. Quem procura alcança e quem planta colhe. O poeta diz:

De acordo com a diligência se alcança as alturas
E quem procura as alturas acordado fica.
Quem deseja as alturas sem diligência,
Navegação de Artigos:
<< Artigo Anterior || Próximo Artigo >>

Compartilhar esse Artigo:
Url
BBCode
HTML

Centro Islâmico de Taubaté © 2009-2017, todos os direitos reservados.
Rua Benedito Silveira Moraes, 221, Bairro Jardim do Sol - Taubaté - SP. CEP: 12070-290. Fones: (12) 3624-8602 / 3411-1940.
E-mail:
siteluzdoislam@gmail.com

2,430,956 visitas únicas

site desenvolvido por www.wsdbrasil.com.br

Powered by PHP-Fusion copyright © 2002 - 2017 by Nick Jones. Released as free software without warranties under GNU Affero GPL v3