Fones: (12) 3624-8602 / 3411-1940
Email: siteluzdoislam@gmail.com

Hierarquia dos Artigos
Início dos Artigos » O Alcorão Sagrado » A Origem Comum da Humanidade
Tamanho da Fonte
A Origem Comum da Humanidade
Descrição: O Alcorão, a escritura sagrada islâmica, informa a humanidade de suas origens comuns de Adão e Eva.
Por IslamReligion.com
Publicado em 04 Jan 2009 - Última modificação em 07 Jan 2009

Visualizado: 2898 (média diária: 3) - Classificação: 3.6 de 5 - Classificado por: 5
Impresso: 161 - Enviado por email: 1 - Comentado em: 0

Categoria: Artigos > O Alcorão Sagrado > Pérolas do Alcorão

“Ó humanos! Temei a vosso Senhor, que vos criou de um só ser, do qual criou a sua companheira e, de ambos, fez descender inumeráveis homens e mulheres. Temei a Deus, em nome do Qual exigis os vossos direitos mútuos e reverenciai os laços de parentesco, porque Deus é vosso Observador.” (Alcorão 4:1)

Deus Se dirige a humanidade inteira e pede que sejam conscientes Dele, conscientes de Sua presença.  Deus relembra as pessoas de uma realidade esquecida: suas origens terrenas. Todos os seres humanos têm Um Deus, seu Criador, um pai -Adão – e uma mãe, Eva. A má situação dos tempos atuais poderia começar a melhorar se os seres humanos se lembrassem de suas origens.

Os seres humanos não apareceram nessa terra por sua própria vontade. Ao contrário, alguém desejou que os seres humanos habitassem a terra. Alguém desejou sua existência e preparou a terra e o sol em perfeito equilíbrio para tornar a vida possível. Se as pessoas se lembrassem desse fato simples, elas iriam na direção certa. Aquele que desejou a existência humana tem conhecimento perfeito da humanidade e de suas forças e fraquezas. Se os humanos reconhecessem isso, eles obedeceriam Àquele a quem devem sua existência.

Assim como os seres humanos vieram a existir pela vontade de Um, seres humanos também remontam aos mesmos pais.  Se as pessoas entendessem isso, o racismo, a superioridade étnica e a exploração terminariam.  Irmãos parariam de brigar e tirar as vidas uns dos outros. Irmãos perceberiam seu Criador comum e seriam conscientes Dele, e dariam aos seus “parentes” seus devidos direitos.  Os seres humanos não se dividiriam em castas e classes.  Seres humanos não deixariam raça, pele, cor ou origem nacional determinar superioridade.

Se os seres humanos percebessem que outra alma foi criada da alma original para ser sua parceira e espalhar homens e mulheres pelo mundo, eles respeitariam mais as mulheres.   As mulheres não teriam passado por séculos de opressão e sua humanidade não teria sido negada por séculos.  Infelizmente, quando os seres humanos tentam corrigir um erro, eles caem em outro.  Esquecem que uma alma foi criada para uma alma, que uma mulher completa um homem.  Homens e mulheres não estão engajados em uma eterna batalha de gêneros; ao invés disso, foram criados para complementar e completar um ao outro.

Deus determina a estrutura social da sociedade humana, que reside na família.  Deus poderia ter criado múltiplas famílias ao invés de Adão e Eva no começo, mas Ele escolheu criar Adão e Eva, e espalhar a humanidade a partir de sua semente.  A ética islâmica considera a família a base natural e a pedra angular de uma sociedade moral.  Uma família consiste de um casal humano e seus filhos (legítimos) onde o homem e a mulher têm papéis essenciais a desempenhar na manutenção da família feliz e intacta.

Na porção final do versículo existe um lembrete para ser consciente de Deus, fazer o que é certo e ficar longe do erro pelo Nome que as pessoas usam para fazer juramentos, alianças, e pedir favores.

Por fim, o versículo termina com um lembrete de que Deus está sempre observando tudo, e nada escapa Seu conhecimento e visão. O conhecimento de que Deus está observando ajuda a ser consciente Dele.

leia o artigo original em: http://www.islamreligion.com/pt/articles/14/

Navegação de Artigos:
<< Artigo Anterior || Próximo Artigo >>

Compartilhar esse Artigo:
Url
BBCode
HTML

Centro Islâmico de Taubaté © 2009-2017, todos os direitos reservados.
Rua Benedito Silveira Moraes, 221, Bairro Jardim do Sol - Taubaté - SP. CEP: 12070-290. Fones: (12) 3624-8602 / 3411-1940.
E-mail:
siteluzdoislam@gmail.com

2,429,833 visitas únicas

site desenvolvido por www.wsdbrasil.com.br

Powered by PHP-Fusion copyright © 2002 - 2017 by Nick Jones. Released as free software without warranties under GNU Affero GPL v3