Fones: (12) 3624-8602 / 3411-1940
Email: siteluzdoislam@gmail.com

Hierarquia dos Artigos
Início dos Artigos » Variedades » Regras na Participação de Festas não Islâmicas
Tamanho da Fonte
Regras na Participação de Festas não Islâmicas

بسم الله الرحمن الرحيم

Em Nome de Allah, O Misericordioso, O Misercordiador

صلى الله على نبينا محمد و على آله وأصحابه أجمعين

Que a Paz e as Bênçãos de Allah estejam com o nosso Profeta Muhammad e todos os seus Companheiros.

السلام عليكم ورحمة الله وبركاته

Que a Paz esteja convosco, a Misericórdia de Allah e Suas Bênçãos

Louvado seja Allah.

Não há dúvida de que participar de celebrações não islâmicas é haram (ilícito, pecado, proibido), porque é uma imitação dos idólatras. É bem conhecido que os muçulmanos não têm qualquer festival para comemorar além de Eid al-Fitr e Eid al-Adha, e do "feriado semanal", que é na sexta-feira (Yawm al-Jumu'ah).

Celebrar qualquer outro festival nao é permitido e incorre em duas coisas:

A primeira é que incorre em uma inovação (bid'ah), se for celebrado como um meio de se aproximar de Deus, como comemorar o aniversário do Profeta (Mawlid);

A segunda é que incorre em uma imitação dos idólatras, se for celebrado como uma tradição e não como um ato de adoração, porque a introdução de novos festivais é a ação do Povo do Livro que nós, muçulmanos, somos ordenados a nunca imitá-los. Então imagine se for a celebração e participação de um dos seus atuais festivais?

Decorar a casa com balões, árvores, enfeites, durante essa época das festividades de Natal é, obviamente, juntar-se com os idólatras e comemorar o seu festival.

O que o muçulmano é obrigado a fazer durante estes dias é não sair para participar de qualquer tipo de celebração, fazer qualquer tipo de decoração ou adorno, ou consumir algum alimento especial para essa época, caso contrário ele estará juntando-se aos idólatras em suas festividades, que, sem sombra dúvidas, é haram.

Shaykh Ibn Uthaymeen (que Allah tenha misericórdia dele) disse: Da mesma forma é proibido para os muçulmanos imitar os idólatras participando nessas ocasiões, ou na troca de presentes, ou a distribuição de doces ou outros alimentos, porque o Profeta (as bênçãos e paz de Allah estejam sobre ele) disse: "Quem imita um povo é um deles".

Shaykh al-Islam Ibn Taymiyah disse em seu livro Iqtida’ al-Siraat al-Mustaqeem Mukhaalifat Ashaab al-Jaheem: imitá-los em alguns de seus festivais implica que a pessoa está contente com a mentira que eles (os idólatras) estão seguindo, e que poderia dar a eles (os não-muçulmanos) uma chance para aproveitar esta oportunidade para enganar aqueles que são fracos na fé (seguindo essa crença idólatra). [Fim de Citação]

Aqueles muçulmanos que praticam qualquer um desses atos estão pecando, se eles fazem isso para se juntar a eles (idólatras), ou somente para ser simpático para com eles, ou porque eles se sentem muito tímidos (em se recusar a participar) ou por qualquer outro motivo, porque isso é uma maneira de comprometer a religião de Allah para agradar aos outros, e é também um meio de levantar a moral dos idólatras e fazê-los orgulhosos da sua crença (religião de idolatria),

[Fataawa Ibn ‘Uthaymeen, 3/44]

Shaykh al-Islam Ibn Taymiyah (que Allah tenha misericórdia dele) foi questionado sobre um muçulmano que faz a comida dos cristãos em Nawrooz (Ano Novo persa) e em todas as suas ocasiões, como Epiphany e outros dias de festa, e quem os vende coisas para ajudar a celebrar suas festas. É admissível que os muçulmanos façam qualquer uma dessas coisas ou não?

Ele respondeu: Louvado seja Deus. Não é permitido para os muçulmanos a imitá-los de qualquer forma que é exclusiva para suas festas, seja comida, roupa, tomar banho, acender fogueiras ou se abstenha de trabalho habitual ou culto, e assim por diante.

E não é permitido dar uma festa ou a troca de presentes ou vender coisas que os ajudem a celebrar suas festas, ou deixar que as crianças e os outros joguem os jogos que são jogados em suas festas, ou para adornar-se ou decorar suas casas. Em geral, (os muçulmanos) não estão autorizados a participar dos festivais dos idólatras ou para qualquer um desses rituais ou costumes. Pelo contrário, esse dia de festividades idólatras é apenas um dia comum para os muçulmanos, e eles não devem praticar qualquer atividade que faça parte do que os idólatras fazem nestes dias.

[Fim de Citação de al-Fataawa al-Kubra, 2/487; Majmoo‘ al-Fataawa, 25/329]

Islam Question and Answer

leia o artigo original em: http://www.islam-qa.com/en/ref/145950/
Navegação de Artigos:
<< Artigo Anterior || Próximo Artigo >>

Compartilhar esse Artigo:
Url
BBCode
HTML

Centro Islâmico de Taubaté © 2009-2017, todos os direitos reservados.
Rua Benedito Silveira Moraes, 221, Bairro Jardim do Sol - Taubaté - SP. CEP: 12070-290. Fones: (12) 3624-8602 / 3411-1940.
E-mail:
siteluzdoislam@gmail.com

2,427,544 visitas únicas

site desenvolvido por www.wsdbrasil.com.br

Powered by PHP-Fusion copyright © 2002 - 2017 by Nick Jones. Released as free software without warranties under GNU Affero GPL v3