Fones: (12) 3624-8602 / 3411-1940
Email: siteluzdoislam@gmail.com

Hierarquia dos Artigos
Início dos Artigos » Artigos sobre o Islam » O Caminho da Felicidade
Tamanho da Fonte
O Caminho da Felicidade
humano é constituído de corpo e alma e cada um tem o seu alimento. Alguns caminhos e filosofias vazias se preocuparam com o espírito e se esqueceram das necessidades do corpo, causando a decadência. O materialismo moderno, ao contrário, negligenciou o espírito e deu ao corpo tudo que deseja. Ele transformou uma grande parte da humanidade diversão e desejos animalescos. O caminho da felicidade alimenta o espírito com as luzes celestiais e protege o corpo, fornecendo-lhe o que lhe é benéfico. O Profeta (S) aceitou o que Salman, o Persa (R), declarou: “O teu Senhor tem direitos sobre você, a sua alma tem direitos sobre você, a sua família tem direitos sobre você. Portanto, concede a cada um o seu direito”[6].

5) A melhor provisão. Cada caminho exige uma provisão e a provisão aqui é o temor a Allah. Ele diz: “Tudo o que fizerdes de bom, Allah o saberá. Equipai-vos de provisões, mas sabei que a melhor provisão é a devoção. Temei-Me, pois, ó sensatos” (Alcorão Sagrado, 2:197). Esse versículo, mesmo que seja a respeito da peregrinação, se aplica a cada muçulmano em todas as leis islâmicas.

6) Somente o conhecimento é insuficiente. O conhecimento do caminho da felicidade não traz a felicidade. É preciso trilhá-lo sempre. Isso explica a situação de alguns muçulmanos que não atendem às ordens de Deus e vivem infelizes. Eles se perguntam: “Por que somos infelizes?”. A resposta é que eles conhecem o caminho, mas não o trilham. Ou andam um pouco e, então, param. Devem, portanto, culpar a si mesmos.

7) A felicidade nas horas mais difíceis. Ao examinarmos a história dos mágicos do Faraó, quando tiveram fé e seguiram o caminho da felicidade, o Faraó lhes disse: “Juro que vos amputarei a mão e o pé de lados opostos e vos crucificarei em troncos de tamareiras; assim, sabereis quem é mais severo e mais persistente no castigo” (Alcorão Sagrado, 20:71). Eles responderam com firmeza: “Por Quem nos criou, jamais te preferiremos às evidências que nos chegaram! Faze o que te aprouver; tu somente podes condenar-nos nesta vida terrena” (Alcorão Sagrado, 20:72). Eles só afirmaram isso alguns instantes depois de terem adquirido a fé é porque se tornaram felizes com a fé. A felicidade facilita a dificuldade. O Profeta (S) descreveu a situação dos profetas e dos piedosos na hora da aflição, dizendo: “Eles se alegravam mais com aflição do que vocês se alegram com as dádivas”[7]. Com a aflição Ele protege o ser humano na sua sanidade e equilíbrio.

8) Da Vida terrena Para o Jardim do Éden. É sabido que a vida do ser humano é constituída de três etapas. A primeira; no mundo; a segunda, no túmulo após a morte; e a terceira, no Dia da Ressurreição. O caminho da felicidade passa por todas essas etapas. Quanto à etapa no mundo, Allah, Ta’ála, diz: “A quem praticar o bem, seja homem ou mulher, e for crente, concederemos uma vida agradável, e premiaremos com uma recompensa, de acordo com a melhor das suas ações” (Alcorão Sagrado, 16:97), ou seja, Nós lhe concedermos uma vida feliz, tranqüila, mesmo que seja parcos recursos[8].

Quanto à felicidade do crente, no túmulo, encontramos no que Abu Huraira (R) relatou que ouviu o Rassulullah (S) dizer: “O crente, em seu túmulo está num jardim verde, e o seu túmulo será ampliado setenta vezes, e lhe será iluminado como a lua cheia ilumina a noite”[9].

Quanto à felicidade na Outra Vida, Allah diz: “Os venturosos, porém, morarão eternamente no Paraíso, enquanto perdurarem os céus e a terra, a menos que teu Senhor disponha doutra sorte. Esta é uma graça ininterrupta” (Alcorão Sagrado, 11:108). Eles lucraram a felicidade neste mundo e com a felicidade perene na Outra.

Na companhia dos puros e iluminados

É fato entre os sensatos a escolha do companheiro antes da jornada. Os companheiros no caminho do Islam – o caminho da felicidade – são os profetas e os virtuosos. É a melhor companhia. Allah, Ta’ála diz: “Aqueles que obedecem a Allah e ao Mensageiro, contar-se-ão entre os agraciados por Allah: profetas, verazes, mártires e virtuosos. Que excelentes companheiros serão!” (Alcorão Sagrado, 4:69). Essa companhia no Paraíso é fruto da companhia de seus orientadores e métodos no mundo, seu amor a eles, o seguimento de seus métodos. A base profética diz: “A pessoa estará com quem ela ama”[10].

Olhe para esse caminho e verá dentre esses puros que iluminaram o caminho dos viajantes para o Senhor do Universo o Profeta Abraão (AS) que Allah informa a sua posição, dizendo: “Disse-lhe: Que a paz esteja contigo! Implorarei, para ti, o perdão do meu Senhor, porque é Agraciante para comigo” (Alcorão Sagrado, 19:47). Não há felicidade maior do que a graça de Deus com o servo. Ele lhe concedeu a orientação, a segurança e o descreveu como tolerante, sentimental, contrito e que representa uma nação com a sua fé.

Entre eles está também o Profeta Moisés (AS) que pediu a Deus os elementos da felicidade: “Suplicou-lhe: Ó Senhor meu, dilata-me o peito; facilita-me a tarefa” (Alcorão Sagrado, 20:25-26). Allah, Ta’ála, concedeu-lhe tudo que pediu e lhe concedeu a felicidade, dizendo: “Teu pedido foi atendido, ó Moisés!” (Alcorão Sagrado, 20:36).

O Profeta Issa (Jesus, AS) informa que Deus lhe concedeu a felicidade e o afastou da infelicidade, dizendo: “Ele lhes disse: Sou o
Navegação de Artigos:
<< Artigo Anterior || Próximo Artigo >>

Compartilhar esse Artigo:
Url
BBCode
HTML

Centro Islâmico de Taubaté © 2009-2018, todos os direitos reservados.
Rua Benedito Silveira Moraes, 221, Bairro Jardim do Sol - Taubaté - SP. CEP: 12070-290. Fones: (12) 3624-8602 / 3411-1940.
E-mail:
siteluzdoislam@gmail.com

2,851,215 visitas únicas

site desenvolvido por www.wsdbrasil.com.br

Powered by PHP-Fusion copyright © 2002 - 2018 by Nick Jones. Released as free software without warranties under GNU Affero GPL v3