Fones: (12) 3624-8602 / 3411-1940
Email: siteluzdoislam@gmail.com

Hierarquia dos Artigos
Início dos Artigos » Religião Comparada » O Antigo Reino de Israel - Uma Perspectiva Islâmica (parte 3 de 6)
Tamanho da Fonte
O Antigo Reino de Israel - Uma Perspectiva Islâmica (parte 3 de 6)
Descrição: Davi mata Golias e ganha um reino.
Por Aisha Stacey (© 2013 IslamReligion.com)
Publicado em 21 Jan 2013 - Última modificação em 21 Jan 2013
Visualizado: 184 (média diária: 8) - Classificação: nenhum ainda - Classificado por: 0
Impresso: 6 - Enviado por email: 0 - Comentado em: 0

Categoria: Artigos > Religião Comparada > Judaísmo

O rei Saul submeteu seu exército a uma série de testes para assegurar-se de que era composto de homens piedosos e determinados.  De um recrutamento inicial de 80.000 homens, o exército que enfrentou Golias e os filisteus era de meros 300.  Golias desafiou qualquer homem do exército do rei Saul para um combate único e mortal, mas o único voluntário foi um jovem pequeno e ágil chamado Davi. [1] Quando ficou claro para o rei Saul que nenhum outro homem estava disposto a ser voluntário, ele deu ao jovem Davi a permissão para enfrentar o gigante Golias.   Golias gargalhou ao ver o pequeno rapaz e até o próprio exército de Saul comportou-se com incredulidade.

O rei Saul queria dar a Davi uma armadura e fornecer-lhe armas, mas o jovem recusou.  Curvou-se, pegou um punhado de pedras e colocou-as na bolsa de couro que carregava em seu ombro.  Davi caminhou em direção a Golias armado apenas um com um estilingue.  Saul estava preocupado, mas Davi confortou-o dizendo que Deus lhe protegeu nas ocasiões anteriores dos ataques de um urso e um leão, enquanto tomava conta das ovelhas do pai.  Davi estava confiante que Deus o protegeria mais uma vez, agora que enfrentava um gigante.

Quando Golias colocou os olhos sobre o jovem armado apenas com um pequeno estilingue, gargalhou.  Davi calmamente pegou uma pedra de sua bolsa, colocou-a no estilingue e mirou.  A pedra voou através da divisão entre eles com a velocidade e precisão de uma flecha.  Atingiu Golias na cabeça com enorme força.  O gigante atônito e com sangue jorrando da ferida, não teve nem tempo de desembainhar sua espada antes de cair morto no chão.  O exército atrás de Golias gritou em um misto de horror e descrença e deu as costas para o campo de batalha.  Os Filhos de Israel prosseguiram para reclamar a honra perdida para o exército dos filisteus anos antes.

“E com a vontade de Deus os derrotaram; Davi matou Golias e Deus lhe outorgou o poder e a sabedoria e lhe ensinou tudo quanto Lhe aprouve.   Se Deus não contivesse aos seres humanos, uns, em relação aos outros, a terra se corromperia;  porém, Ele é Agraciante para com a humanidade e tudo que existe.”  (Alcorão 2:251)

As Qualidades Milagrosas do Profeta Davi

Na época da luta com Golias Davi ainda não era um profeta, mas após as mortes do rei Saul e do profeta Samuel foi dotado com um reino e missão profética.  Deus deu a Davi a sabedoria e o conhecimento necessários para liderar um império e, mais importante, liderar seu povo, os Filhos de Israel, para a senda reta, adorando ao Deus Único.  Deus deu a todos os Seus profetas atributos indicando sua missão profética e o profeta Davi recebeu milagres e qualidades únicas.  Davi recebeu uma bela voz.  Diz-se que quando recitava do livro dos Salmos (conhecido no Islã como o Zabur), a criação ao redor de Davi glorificava Deus junto com ele.  Uma das coisas únicas sobre o profeta Davi era que compreendia a língua dos animais e pássaros.

"Em verdade, submetemos-lhe as montanhas, para que com ele Nos glorificassem ao anoitecer e ao amanhecer.  E também lhe congregamos todas as aves, as quais se voltavam a Ele."  (Alcorão 38:18-19)

O profeta Davi também recebeu outro milagre.  O ferro tornava-se macio em suas mãos e ele podia moldá-lo na forma que desejasse.  Os humanos da época conheciam o ferro, mas o processo para usá-lo e amaciá-lo era muito difícil.  Deus ensinou Davi uma nova forma de fazer escudos e armaduras.  Antes da invenção de Davi de unir o ferro em pequenos elos, os soldados tinham que usar pesadas chapas de ferro que restringiam seus movimentos.

"E lhe ensinamos a arte de faze couraças para vós, a fim de proteger-vos das vossas violências mútuas.   Não estais agradecidos?"  (Alcorão 21:80)

Davi era conhecido por sua piedade e devoção na adoração do Deus Único e jejuava em dias alternados.  O profeta Muhammad, que a misericórdia e bênçãos de Deus estejam sobre ele, disse aos seus companheiros que "o jejum mais amado por Deus era o jejum do profeta Davi, que costumava jejuar em dias alternados.  E a oração mais amada para Deus era a oração de Davi, porque ele costumava dormir a primeira metade da noite e orar por um terço dela, dormindo novamente por um sexto dela."[2]

Davi era um líder justo e correto que trouxe paz e prosperidade para os Filhos de Israel.   Acredita-se que dividia seu dia de trabalho em quatro partes.  Uma para ganhar o sustento e descanso.   O profeta Davi não vivia das riquezas de seu império.  Era um armeiro habilidoso e fazia e vendia armas para sustentar a si mesmo e a sua família. A segunda parte do dia era para orar e passar o tempo contemplando a grandeza de Deus.  A terceira parte era para fazer sermões e a parte final era devotada a ouvir os problemas e reclamações de seus súditos.  Davi também nomeou representantes para atenderem o povo em todos os cantos de seu império.

O profeta Davi foi abençoado com um filho, Salomão.  "E agraciamos Davi com Salomão.   Que excelente servo!   Eis que foi contrito!" (Alcorão 38:30) Ambos eram conhecidos por serem governantes justos e sábios.  Davi construiu um império para os Filhos de Israel e o profeta Salomão os liderou para a Idade Dourada.



Footnotes:

[1] Das Histórias dos Profetas, do Imam Ibn Kathir.

[2] Saheeh Al-Bukhari

leia o artigo original em: http://www.islamreligion.com/pt/articles/2453/

Navegação de Artigos:
<< Artigo Anterior || Próximo Artigo >>

Compartilhar esse Artigo:
Url
BBCode
HTML

Centro Islâmico de Taubaté © 2009-2017, todos os direitos reservados.
Rua Benedito Silveira Moraes, 221, Bairro Jardim do Sol - Taubaté - SP. CEP: 12070-290. Fones: (12) 3624-8602 / 3411-1940.
E-mail:
siteluzdoislam@gmail.com

2,431,708 visitas únicas

site desenvolvido por www.wsdbrasil.com.br

Powered by PHP-Fusion copyright © 2002 - 2017 by Nick Jones. Released as free software without warranties under GNU Affero GPL v3