Fones: (12) 3624-8602 / 3411-1940
Email: siteluzdoislam@gmail.com

Hierarquia dos Artigos
Início dos Artigos » Religião Comparada » O Antigo Reino de Israel (parte 5 de 6)
Tamanho da Fonte
O Antigo Reino de Israel (parte 5 de 6)
Descrição: Todo o poder e força vêm somente de Deus.
Por Aisha Stacey (© 2013 IslamReligion.com)
Publicado em 28 Jan 2013 - Última modificação em 28 Jan 2013
Visualizado: 179 (média diária: 6) - Classificação: nenhum ainda - Classificado por: 0
Impresso: 10 - Enviado por email: 0 - Comentado em: 0

Categoria: Artigos > Religião Comparada > Judaísmo

Os profetas de Deus eram meros seres humanos, mas suas responsabilidades exigiam que possuíssem características excepcionais.  Cada profeta foi obrigado a divulgar a mesma mensagem - o propósito do homem é adorar o Deus Único. (Alcorão 51:56) Entretanto, também lhes foi exigido que implementassem e mantivessem as leis de Deus.  Para que todos os profetas fossem críveis, Deus lhes concedeu milagres pertinentes e compreensíveis para o povo para o qual foram enviados.  O milagre que definiu o profeta Salomão foi sua sabedoria única.[1]

O profeta Davi e seu filho Salomão foram governantes sábios e justos porque Deus lhes concedeu sabedoria e bom julgamento.  Davi estabeleceu um império e Salomão liderou os Filhos de Israel para a Idade Dourada.  O reino de Salomão era diferente de tudo que jamais existiu ou que existirá no futuro.  Deus, o melhor dos planejadores, envolveu o profeta Salomão em testes e tribulações elaborados para moldar seu caráter e, assim, sua vida foi pontuada de eventos voltados para a aquisição de conhecimento e experiência.

Deus descreve Salomão como "um excelente servo" por causa de seu arrependimento sincero.  Os testes e tribulações confrontados por Salomão o levaram às vezes a cometer erros no julgamento, mas ele aprendeu com seus erros.  Em uma ocasião Salomão perdeu a noção do tempo admirando seus cavalos puro-sangue até que o horário da oração da tarde havia passado.  Entretanto, quando percebeu seu erro voltou-se para Deus com remorso e tristeza e implorou por perdão.

"E agraciamos Davi com Salomão.   Que excelente servo!   Eis que foi contrito!  Um dia, ao entardecer, apresentam-lhe uns briosos corcéis.  Ele disse: Em verdade!  Amo o amor ao bem, com vistas à menção do meu Senhor. Permaneceu admirando-os, até que (o sol) se ocultou sob o véu (da noite).   (Então, ordenou): Trazei-os a mim!  E se pôs a acariciar-lhes as patas e os pescoços.  E pusemos à prova Salomão..." (Alcorão 38:30-34)

Com a morte do profeta Davi, Salomão herdou a missão profética e o império.  Devido ao seu nível de sabedoria, Salomão estava totalmente ciente do poder de Deus.  Reconheceu que Deus era responsável por qualquer condição em que se encontrasse, fácil ou difícil, e louvou a Deus por isso.  Disse: "Louvado Seja Deus." (Alcorão 27: 15). Salomão compreendeu que nenhum poder ou força seria dele, a menos que o pedisse a Deus.  Portanto, voltou-se para Deus e pediu um reino que nunca fosse superado.  Deus concedeu seu pedido.  Concedeu a Salomão muitas habilidades e elas o ajudaram no estabelecimento de um reino magnífico.

"Disse: Ó Senhor meu! Perdoa-me e concede-me um império que ninguém, além de mim, possa possuir, porque Tu és o Agraciante por excelência!

E lhe submetemos o vento, que soprava suavemente à sua vontade, por onde quisesse.  E todos os demônios, alvanéis e mergulhadores disponíveis.  E outros cingidos por correntes.  (Que falavam de Deus a Salomão): Estas são as Nossas dádivas; prodigalizamo-las, pois, ou restringimo-las, imensuravelmente.  Eis que ele desfrutará, ante Nós, de dignidade e excelente local de retorno!"  (Alcorão 38:35-40)

O profeta Salomão foi capaz de usar e controlar o vento, pela vontade de Deus.  Podia viajar vastas distâncias em um curto espaço de tempo.  Além disso, Salomão foi capaz de controlar os demônios entre os jinns,[2] que trabalharam para ele na construção de edificações, extração de metais, mergulhando em busca de tesouros e assegurando de forma geral a infraestrutura do reino de Salomão.  Deus também deu a Salomão uma fonte da qual fluía bronze derretido.  Assim como o pai Davi, recebeu a dádiva de ser capaz de moldar o ferro e foi capaz de moldar e dobrar o bronze para fazer ferramentas, armaduras e utensílios.

"E submetemos a Salomão o vento impetuoso, que sopra a seu capricho, para a terra que Nós abençoamos,   porque somos Onisciente. E também (lhe submetemos) alguns (ventos) maus que, no mar, faziam submergir os navios, além de outras tarefas, sendo Nós o seu custódio." (Alcorão 21:81-82)

" E fizemos brotar, para ele, uma fonte do cobre, e proporcionamos gênios, para trabalharem sob as suas ordens, com a anuência do seu Senhor; e a quem, dentre eles, desacatar as Nossas ordens, infligiremos o castigo do tártaro.   Executaram, para ele, tudo quanto desejava: arcos, estátuas, grandes vasilhas como reservatórios, e resistentes caldeiras de cobre.  (E dissemos): Trabalhai, ó familiares de Davi, com agradecimento!  Quão pouco são os agradecidos, entre os Meus servos!" (Alcorão 34:12-13)

O profeta Salomão foi um rei de grande renome.  Seu reino foi único e seu império representou uma idade dourada para os Filhos de Israel.  Governou com sabedoria e justiça e reconheceu que todo o poder e força vinham somente de Deus.  O rei Salomão, entretanto, não era o único governante poderoso na área.  Na terra hoje conhecida como Iêmen, mas antes conhecida como Sheba, vivia uma rainha chamada Bilqis.



Footnotes:

[1] Baseado no trabalho do Imam Ibn Kathir.  As Histórias dos Profetas.

[2] Os jinns foram criados por Deus do fogo sem fumaça, antes da criação da humanidade.  Alguns são bons e outros maus, alguns são muçulmanos e outros não.

leia o artigo original em: http://www.islamreligion.com/pt/articles/2486/

Navegação de Artigos:
<< Artigo Anterior || Próximo Artigo >>

Compartilhar esse Artigo:
Url
BBCode
HTML

Centro Islâmico de Taubaté © 2009-2017, todos os direitos reservados.
Rua Benedito Silveira Moraes, 221, Bairro Jardim do Sol - Taubaté - SP. CEP: 12070-290. Fones: (12) 3624-8602 / 3411-1940.
E-mail:
siteluzdoislam@gmail.com

2,427,635 visitas únicas

site desenvolvido por www.wsdbrasil.com.br

Powered by PHP-Fusion copyright © 2002 - 2017 by Nick Jones. Released as free software without warranties under GNU Affero GPL v3