Fones: (12) 3624-8602 / 3411-1940
Email: siteluzdoislam@gmail.com

Hierarquia dos Artigos
Início dos Artigos » O Caráter do Muçulmano » A Fraqueza Moral
Tamanho da Fonte
A Fraqueza Moral
FRAQUEZA MORAL - PROVA DE FALTA DE FÉ

A fé sem moral é imperfeita

Shaikh Mohamad Al Ghazali
Tradução: Prof. Samir El Hayek

A fé é uma força tal que afasta os homens dos atributos baixos e dos atos vis, encorajando o homem no sentido dos atributos elevados e da moralidade honesta. Eis porque Deus, sempre que convocou seus servos à virtude, ou sempre que Ele quis que eles detestassem o mal, Ele sempre proclamou isso como requisito essencial da fé nos corações deles. Por exemplo, quando Ele, na Surata At-Taubah, ordena aos homens que sejam virtuosos e falem a verdade, Ele Se dirige a eles como "O crentes":
"Ó crentes! Temei a Deus e permanecei com os verazes" (9ª:ll9)
O Mensageiro de Deus explicou de maneira clara que quando a fé é sólida e a crença é firme, então se desenvolverá uma moralidade forte e duradoura, mas se o caráter moral é baixo, então também a fé se romperá.
O homem que, impudico e mal-educado, e que adota maus hábitos, sem se preocupar com os outros, é como a pessoa de quem o Profeta disse:
"A modéstia e a fé são gêmeas. Aquele que desiste de uma, perde também a outra."
Certa feita, o Profeta passava por um Ansari que censurava o irmão por sua impudica. O Profeta aconselhou-o a deixá-lo em paz, pois o recato era um ramo da fé.
O homem que perturba seu vizinho e o faz ter algum dano é chamado de cruel e empedernido pela religião. A esse respeito, a decisão do Profeta ´ esta:
"Por Deus, ele não pode ser um muçulmano; por Deus, ele não pode ser um muçulmano; por Deus, ele não pode ser um muçulmano." Perguntaram a ele: "Quem?" Ele respondeu: "Aquele de cujos maltratos não está livre o seu vizinho." (Bukhári)
O Profeta aconselha aos seus companheiros de se manterem longe de conversas fúteis, de atos maldosos, e de feitos insensatos.
"A pessoa que crê em Deus e na Outra Vida deveria falar sobre coisas boas ou então ficar calada." (Bukhári)
Desta maneira, por intermédio da verdade da fé e por meio da sua perfeição, são alimentadas e desenvolvidas as qualidades nobres, e são preservadas firmemente até que dêem frutos.

Fileiras Rompidas, Corações Entristecidos, Orações Insossas
Entretanto, encontrareis também pessoas tais que, se chamarão muçulmanas, mas serão indolentes na prática de orações, mas pousarão publicamente como se tivessem grande empenho em oferecê-las. Mas não se recusarão ao mesmo tempo, de agir de maneira que seja contrária aos requisitos da nobreza de caráter e da fé perfeita.
Tais pessoas foram admoestadas pelo Profeta, e a comunidade (umma) foi alertada para ter cuidado com tais pessoas.
O homem que comete o erro de cumprir as várias formas de culto sem compreender o significado delas, só pode ser um homem que não entendeu o espírito da adoração, ou foi incapaz de colocar-se à altura daquele padrão.
Freqüentemente, uma criança é capaz de copiar os movimentos das orações e até de repetir o que é recitado durante a prece. As vezes um ator será capaz de ofertar a oração com toda a humildade e concentração, e cumprir todos os ritos necessários.
Mas este tipo de movimento nem beneficia a fé nem corresponde ao seu propósito. Só existe uma maneira de oferecer as orações do modo melhor, ou de cumprir as outras formas do culto de modo que jamais resulte em consequências ruins, e esta é com elevado caráter moral. Qualquer pessoa que possua esse atributo, a oração dela é eficaz. Mas aquela que não possui esse atributo, sua adoração e inútil.
O Imame Ahmed narrou: "Certa pessoa perguntou ao Profeta: 'Ó Mensageiro de Deus! uma certa mulher, celebre pelas suas orações, jejum e suas muitas caridades, mas trata grosseiramente aos seus vizinhos, qual será o destino dela?' Ele respondeu que ela iria para o inferno. E então a pessoa perguntou: 'Ó Mensageiro de Deus! Uma outra mulher não é muito assídua em matéria de orações e do jejum; como caridade ela dá pedaços de queijo e não maltrata seus vizinhos.' Ele respondeu: 'Ela pertence ao Paraíso.'."
Essa resposta nos proporciona uma idéia clara do alto valor atribuído ao bom caráter. Ela também demonstra que a caridade é uma oração coletiva cujo benefício alcança (toda) a sociedade. Por esta razão, não cabe aqui nenhuma diminuição. Como o salat e o jejum parecem ser uma forma individual de culto, um ligeiro relaxamento em proporção mínima é permitido no tocante a não se ter muita cerimônia na preparação à realização deles.
O Profeta não respondeu a apenas uma pergunta acidental, mas explicou a relação entre a moralidade e a religião, demonstrou a forma correta de cultuar, e as formas básicas para se reformar e melhorar o mundo e obter a salvação no outro mundo.
O problema da moralidade era muito mais importante. Era necessário que ele guiasse seus seguidores quanto a isto constantemente. Ele tinha que persistir em dar a eles bons conselhos para que a importância destes se arraigasse nas mentes e no coração, e se tornasse claro que a fé, a bondade e a moralidade dependem uma da outra. Elas são interligadas uma com as outras e nada nem ninguém pode separá-las.

Quem é pobre?
Navegação de Artigos:
<< Artigo Anterior || Próximo Artigo >>

Compartilhar esse Artigo:
Url
BBCode
HTML

Centro Islâmico de Taubaté © 2009-2017, todos os direitos reservados.
Rua Benedito Silveira Moraes, 221, Bairro Jardim do Sol - Taubaté - SP. CEP: 12070-290. Fones: (12) 3624-8602 / 3411-1940.
E-mail:
siteluzdoislam@gmail.com

2,427,990 visitas únicas

site desenvolvido por www.wsdbrasil.com.br

Powered by PHP-Fusion copyright © 2002 - 2017 by Nick Jones. Released as free software without warranties under GNU Affero GPL v3