Fones: (12) 3624-8602 / 3411-1940
Email: siteluzdoislam@gmail.com

Hierarquia dos Artigos
Início dos Artigos » Livro: Fiqh al Sunnah » Livro: Fiqh Al Sunnah (Parte VII) - As recordações
Tamanho da Fonte
Livro: Fiqh Al Sunnah (Parte VII) - As recordações

As recordações

(Al-Zhikr)

 

A recordação (Al-Zhikr) é o louvor a Allah, Sua glorificação, o agradecimento a Ele e Sua exaltação com Seus belos e perfeitos atributos. O Zhikr pode ser pronunciado com a língua ou feito silenciosamente pelo coração.

Allah diz: “Ó fiéis, mencionai frequentemente Deus e glorificai-O, de manhã e à tarde” (Alcorão 33:41) e “Recordai-vos de Mim, que Eu Me recordarei de vós. Agradecei-Me e não Me sejais ingratos” (Alcorão 2:152).

O Profeta (SAW) relatou que Allah no Hadith Al-Qudsi disse: “Eu sou aquilo que Meu servo supõe de Mim, Eu estou com ele quando se lembra de Mim, na verdade se ele se recorda de Mim em seu íntimo Eu recordar-Me-ei dele em Meu íntimo, se ele se recordar de Mim em público, Eu recordar-Me-ei dele a um público melhor, se ele aproximar-se de Mim na medida de um palmo, Eu aproximar-Me-ei dele na distância de um braço, se ele aproximar-se de Mim na distância de um braço, Eu aproximar-Me-ei dele dois braços e se ele chegar até Mim andando, Eu irei Até ele correndo”.

O Profeta (SAW) disse: “Os Mufarridun superam o resto”. Os companheiros perguntaram: Ó mensageiro de Allah, quem são essas pessoas excepcionais, os Mufarridun? E o Profeta (SAW) respondeu: “São os homens e as mulheres que se lembram de Allah, incessantemente”.

Abu Mussa relatou o Profeta (SAW) disse: “Aquele que se lembra de seu Criador e aquele que não se lembra é o exemplo do vivo e do morto”.

A recordação de Allah (Zhikr) é o ponto culminante das boas ações e o Profeta (SAW) mencionava o nome de Allah em todas as circunstâncias.

Um homem disse ao Profeta (SAW) que a jurisprudência islâmica era muito extensa para ele e que gostaria que ele lhe indicasse algo em seu alcance para que pudesse assegurar-se nele, e o Profeta (SAW) disse: “Que sempre permaneça a sua língua umedecida pela lembrança de Allah (Zhikr)”.

O Profeta (SAW) disse aos seus companheiros: “E eu não deveria informá-los sobre o melhor de seus atos, a mais pura ação para com o seu Senhor, o que mais os elevará em suas posições (diante d’Ele), um bem melhor para vocês do que a doação do ouro e prata e um bem para vocês melhor do que se encontrarem com seus inimigos em batalha?” Eles falaram: Certamente! Então, disse: “Lembrem-se de Allah, o Altíssimo” (Zhikr).

Muazh relatou que o Profeta (SAW) disse: “A recordação (Zhikr) é o melhor caminho para o ser humano se salvar do castigo de Allah”.

Ahmad narrou que o Profeta (SAW) disse: “Quando vocês se recordam de Allah, glorificando-O, louvando-O e exaltando-O, as vossas palavras chegam ao entorno do Trono de Allah. Estas palavras ressoam como o zumbido das abelhas, então, os nomes dos recordadores serão pronunciados. Vocês não gostariam que os vossos nomes fossem pronunciados perante Allah?”

 

1-O limite do Zhikr:

Allah nos ordenou a lembrá-Lo muito, e diz: “Que mencionam Deus, estando em pé, sentados ou deitados e meditam na criação dos céus e da terra” (Alcorão 3:191) e “Aos que se recordam muito de Deus e às que se recordam d’Ele, saibam que Deus lhes tem destinado a indulgência e uma magnífica recompensa.” (Alcorão 33:35).

Mujahid disse que para ser dos que se recordam muito de Allah e das que se recordam d’Ele, o muçulmano deve mencionar Allah, estando em pé, sentado ou deitado.

Ibn Al-Salah disse que para ser dos que se recordam muito de Allah e das que se recordam d’Ele, a pessoa deve fazer as recordações recomendadas de manhã e de tarde, durante o dia e durante a noite.

Ali Ibn Abi Talhah relatou que Ibn Abbas disse que todas as obrigações impostas por Allah aos Seus servos estão claramente marcadas, exceto o Zhikr. Allah não colocou limites específicos para esse ato e sob nenhuma circunstância a pessoa pode deixar de fazê-lo. Somos ordenados a mencionar Allah, estando em pé, sentados ou deitados, de dia e de noite, no mar e na terra, na viagem e em casa, na pobreza e na prosperidade, na doença e na saúde, declaradamente e secretamente e em todas as circunstâncias.<--PAGEBREAK-->

 

2-O conteúdo do Zhikr:

Said Ibn Jubair disse que todo obediente a Allah é um recordador de Allah.

Ataa disse que as reuniões de Zhikr são para discutir vários assuntos como o lícito e o ilícito, como vender, comprar, orar, jejuar, casar, divorciar, peregrinar e assim por diante.

Al-Qurtubi disse que as reuniões de Zhikr são para adquirir conhecimento, aprender as palavras de Allah, a Sunnah do Mensageiro (SAW), os relatos dos sábios e dos virtuosos sem qualquer adição ou inovação e sem quaisquer segundas intenções ou ganância.

 

3-As normas do Zhikr:

1 - O objetivo do Zhikr é purificar as almas e os corações e despertar a consciência dos muçulmanos.

Allah diz: “Observa a oração, porque a oração preserva (o homem) da obscenidade e do ilícito; mas, na verdade, a recordação de Deus é o mais importante” (Alcorão 29:45). Quando o servo se recorda muito de Allah e abre o seu coração para o seu Criador, Allah o dará luz, aumentará a sua fé e sua convicção, tranquilizará e sossegará o seu coração. Allah diz: “Que são fiéis e cujos corações sossegam com a recordação de Deus. Não é, acaso, certo, que à recordação de Deus sossega os corações?” (Alcorão 13:28).

2 – É melhor fazer Zhikr silenciosamente sem aumentar a voz, como diz Allah: “E recorda-te do teu Senhor intimamente, com humildade e temor, sem manifestação de palavras, ao amanhecer e ao entardece, e não sejas um dos tantos negligentes” (Alcorão 7:205).

Ao ouvir algumas pessoas fazendo Zhikr em voz alta durante uma viagem, o Profeta (SAW) disse: “Ó gente, acalmem-se, pois vocês não estão suplicando a nenhum surdo ou ausente! Allah é o Oniouvinte e Ele é mais próximo a vocês do que o pescoço das suas montarias”.

O versículo anteriormente citado também mostra que a recordação deve ser feita com humildade e temor.

3-Ao fazer o Zhikr, a pessoa deve purificar o seu corpo, suas roupas e ficar de frente para a Qiblah.

 

4-As reuniões do Zhikr:

Ibn Omar relatou que o Profeta (SAW) disse: “Ao passar pelos jardins do Paraíso, vocês devem ficar neles”. Os companheiros perguntaram o que são os jardins do paraíso e ele disse: “Os círculos de Zhikr, pois Allah designa um grupo de anjos para percorrerem as ruas em busca de círculos de Zhikr e quando encontram algumas pessoas se lembrando de Allah, eles as cobrem com suas asas”.

Muawiyah relatou que certa vez o Profeta (SAW) foi a um círculo de Zhikr e perguntou: “Que vos fez sentar?” Eles responderam que haviam se reunido para recordar de Allah. Ele perguntou: “Por Allah, não vos sentastes a não ser para esse fim?” Eles responderam que era apenas para esse fim. Então ele disse: “Eu não tenho dúvida disso, pois o anjo Gabriel me informou que Allah orgulhou-se de vós perante os anjos”.

Abu Said Al-Khudri relatou que o Profeta (SAW) disse: “As pessoas que se reúnem para recordar de Allah, serão rodeadas de anjos, cobertas pela misericórdia de Allah, a paz desce sobre elas e Allah as cita para aqueles que O rodeiam”.

 

5-O mérito de falar “La ilaha illallah” com sinceridade:

Abu Hurairah relatou que o Mensageiro de Allah (SAW) disse: “Aquele que disser La ilaha illallah com sinceridade e não cometer os graves pecados, as portas do céu serão abertas para ele até chegar ao Trono”.

O Profeta (SAW) disse aos seus companheiros: “Renovem sempre a vossa fé”. Eles perguntaram como podiam fazer isso e ele respondeu: “Digam sempre: La ilaha illallah”.

Jaber relatou que o Profeta (SAW) disse: “A melhor recordação é La ilaha illallah e a melhor suplica é Al hamdulillah”.<--PAGEBREAK-->

 

6-O mérito do Tasbih (Subhanallah), Tahmid (Al hamdulillah), Tahlil (La ilaha illallah) e Takbir (Allahu Akbar):

Abu Hurairah relatou que o Profeta (SAW) disse: “Há duas frases que são fáceis de dizer, pesadas na balança e apreciadas pelo Misericordioso. São elas: Subhanallah wa bihamdihi e Subhanallah al Azim”.

Abu Hurairah relatou que o Profeta (SAW) disse: “Para mim, dizer: Subhanallah, Al hamdulillah, La ilaha illallah e Allahu Akbar vale mais do que o mundo inteiro”.

Abu Zhar relatou que o Profeta (SAW) disse: “A frase mais apreciada por Allah é Subhanallah wa bihamdihi”.

Jaber relatou que o Profeta (SAW) disse: “Para aquele que disser Subhanallah Al Azim wa bihamdihi, será plantado uma tamareira no Paraíso”.

Abu Said relatou que o Profeta (SAW) disse: “Recitai muito o Takbir (Allahu Akbar), o Tahlil (La ilaha illallah), o Tasbih (Subhanallah), o Tahmid (Al hamdulillah) e La haula wala quwata illa billah”.

Abdullah Ibn Massud relatou que o Profeta (SAW) disse: “Na noite da minha ascensão, quando me encontrei com o profeta Abraão, ele me disse: Ó Muhammad, transmite a minha saudação para a sua nação e dize que o Paraíso é um lugar espaçoso, a sua terra é boa, a sua água é refrescante e suas plantas são: Subhanallah, Al hamdulillah, La ilaha illallah, Allahu Akbar e la haula wala quwata illa billah”.

Muslim narrou que o Profeta (SAW) disse: “As quatro frases mais apreciadas por Allah são: Subhanallah, Al hamdulillah, La ilaha illallah e Allahu Akbar”.

Ibn Massud relatou que o Profeta (SAW) disse: “Aquele que recita os dois últimos versículos da surata Al-Baqarah durante a noite, isso lhe será suficiente sobre todas as coisas”.

Abu Said Al-Khudri relatou que o Profeta (SAW) disse: “Será que nenhum de vos é capaz de recitar um terço do Alcorão em apenas uma noite?” Os companheiros responderam que nenhum seria capaz de fazer isso e ele disse: “A surata Al Ikhlas é equivalente a um terço do Alcorão”.

Abu Hurairah relatou que o Mensageiro de Allah (SAW) disse: “Aquele que disser cem vezes por dia:

 

لا إلهَ إلاّ اللّهُ وحْـدَهُ لا شريكَ لهُ، لهُ المُلكُ ولهُ الحَمْد، يُحيـي وَيُمـيتُ وهُوَ على كُلّ شيءٍ قدير

 

Laa ilaaha illa-lahu wahdahu laa chariika lahu, lahul mulku wa lahul hamdu, yuhii wa yumiitu wa hua alaa kulli chai’in qadiir

 

Não há divindade a não ser Allah, O Único que não possui sócio, Seus são os louvores e a soberania, Ele cria e causa a morte e Ele é quem possui poder sobre todas as coisas.

 

Essa pessoa terá uma recompensa igual a de quem liberta dez escravos, será anotado para ele cem boas ações, lhe serão perdoadas cem faltas, nesse dia estará protegido do Satanás até a noite e no dia do Juízo, ninguém o superará em mérito, salvo aquele que fez mais do que ele”.

Muslim e Tirmizhi acrescentaram que o Profeta (SAW) ainda disse: “Aquele que disser cem vezes Subhanallah wa bihamdihi terá os seus pecados perdoados, mesmo se forem como a espuma do mar”.

 

7-O mérito de implorar o perdão (Al Istighfar):

Anas relatou que ouviu o Profeta (SAW) dizer que Allah disse: “Ó filho de Adão! Sempre que Me suplicares e Me implorares, Eu perdoarei o que tiveres feito, sem que nada Me importe. Ó filho de Adão! Ainda que tuas faltas alcancem os limites do céu, se Me pedires perdão, perdoar-te-Ei. Ó filho de Adão! Ainda que vieres a Mim, depois de cometeres tantas faltas que dariam para encher a Terra e se te encontrares conosco sem teres associado nada e nem ninguém a Nós, Eu te concederei um perdão que cobrirá toda a Terra”.

Ibn Abbas relatou que o Profeta (SAW) disse: “Aquele que persistir em pedir perdão de Allah frequentemente, Ele lhe facilitará a saída da escassez, o sossego de toda a angústia e lhe proverá o sustento de onde não espera”.<--PAGEBREAK-->

 

8-Recordações de grande mérito:

Juwairiyah disse que certa vez o Profeta (SAW) saiu da sua casa na hora da oração do Fajr. Ao voltar depois da oração do Dhuha, ele lhe perguntou: “Estás sentada na mesma posição em que estavas quando eu saí?” Ela respondeu que sim e ele disse: “Depois de sair da sua casa, eu repeti três vezes as seguintes frases que são equivalentes, em mérito, ao que você disse essa noite toda:

 

سُبْحانَ الله وَبِحَمْدِهِ، عَدَدَ خَلْقِهِ وَرِضاءَ نَفْسِهِ وَزِنَةَ عَرْشِهِ وَمِدادَ كَلِماتِهِ.

 

Subhanallah wa bihamdihi, adada khalqihi wa ridhaa nafsihi wa zinata archihi wa midada kalimatihi

 

Quão perfeito é Allah e os louvores são para Ele pelo número de todas as Suas criaturas, pela satisfação em Si mesmo, pelo peso de Seu trono e a tinta das Suas palavras.

 

O Profeta (SAW) viu uma mulher fazendo Tasbih usando pedrinhas para a contagem e ele lhe disse: “Vou te indicar algo melhor. Diga:

 

سُبْحَانَ اللَّهِ عَدَدَ مَا خَلَقَ فِي السَّمَاءِ ، وَسُبْحَانَ اللَّهِ عَدَدَ مَا خَلَقَ فِي الْأَرْضِ ، وَسُبْحَانَ اللَّهِ عَدَدَ مَا بَيْنَ ذَلِكَ ، وَسُبْحَانَ اللَّهِ عَدَدَ مَا هُوَ خَالِقٌ ، وَاللَّهُ أَكْبَرُ مِثْلَ ذَلِكَ ، وَالْحَمْدُ لِلَّهِ مِثْلَ ذَلِكَ ، وَلَا حَوْلَ وَلَا قُوَّةَ إِلَّا بِاللَّهِ مِثْلَ ذَلِكَ

 

Subhanallah adada ma khalaqa fi al samaa, subhanallah adada ma khalaqa fil ardh, subhanallah adada ma baina dhalik, subhanallah adada ma hua khaliq.

Allahu akbar adada ma khalaqa fi al samaa, Allah akbar adada ma khalaqa fil ardh, Allahu akbar adada ma baina zhalik, Allahu akbar adada ma hua khaliq.

Al hamdu lillah adada ma khalaqa fi al samaa, Al hamdu lillah adada ma khalaqa fil ardh, Al hamdu lillah adada ma baina zhalik, Al hamdu lillah adada ma hua khaliq.

La ilaha illallah adada ma khalaqa fi al samaa, La ilaha illallah adada ma khalaqa fil ardh, La ilaha illallah adada ma baina zhalik, e La ilaha illallah adada ma hua khaliq.

La haula wala quwata illa billah adada ma khalaqa fi al samaa, La haula wala quwata illa billah adada ma khalaqa fil ardh, La haula wala quwata illa billah adada ma baina zhalik, La haula wala quwata illa billah adada ma hua khaliq.

 

Subhanallah, pelo número de todas as criaturas que Ele criou no céu. Subhanallah, pelo número de todas as criaturas que Ele criou na terra. Subhanallah, pelo número de todas as criaturas que Ele criou entre o céu e a terra. Subhanallah, pelo número de todas as criaturas que Ele criará futuramente.

Allahu Akbar, pelo número de todas as criaturas que Ele criou no céu. Allahu Akbar, pelo número de todas as criaturas que Ele criou na terra. Allahu Akbar, pelo número de todas as criaturas que Ele criou entre o céu e a terra. Allahu Akbar, pelo número de todas as criaturas que Ele criará futuramente.

Al hamdu lillah, pelo número de todas as criaturas que Ele criou no céu. Al hamdu lillah, pelo número de todas as criaturas que Ele criou na terra. Al hamdu lillah, pelo número de todas as criaturas que Ele criou entre o céu e a terra. Al hamdu lillah, pelo número de todas as criaturas que Ele criará futuramente.

La ilaha illallah, pelo número de todas as criaturas que Ele criou no céu. La ilaha illallah, pelo número de todas as criaturas que Ele criou na terra. La ilaha illallah, pelo número de todas as criaturas que Ele criou entre o céu e a terra. La ilaha illallah, pelo número de todas as criaturas que Ele criará futuramente.

La haula wala quwata illa billah, pelo número de todas as criaturas que Ele criou no céu. La haula wala quwata illa billah, pelo número de todas as criaturas que Ele criou na terra. La haula wala quwata illa billah, pelo número de todas as criaturas que Ele criou entre o céu e a terra. La haula wala quwata illa billah, pelo número de todas as criaturas que Ele criará futuramente.

 

Ibn Omar relatou que o Profeta (SAW) disse: “Certa vez, um servo de Allah suplicou dizendo:

 

يا رَبُّ لَكَ الحَمْدُ كَما يَنْبَغي لِجَلالِ وَجْهِكَ وَعَظيمِ سُلْطانِك

 

Ya rabbu lakal-hamdu kama yanbaghi lijalali wajhika wa azimi sultanik.]

 

Meu Senhor! Todos os louvores são para Ti tanto quanto a Sua Majestosa face e a Sua poderosíssima autoridade merecem”.

 

Os dois anjos não souberam gravar essa súplica, então eles subiram para o céu e disseram: Ó Senhor nosso, Seu servo disse algo que não sabemos como gravar? Allah perguntou-lhes: O que meu servo disse? (claro, Ele sabia o que o servo tinha dito) e eles disseram: "Meu Senhor! Todos os louvores são para Ti tanto quanto a Sua majestosa face e Sua poderosíssima autoridade merecem”. Allah disse-lhes: Escrevam o que meu servo disse e quando encontrar conosco eu lhe recompensarei”.<--PAGEBREAK-->

 

9-Contar as recordações com os dedos é melhor do que contá-las com um terço (Subbahah):

Yussairah Bint Yasser relatou que o Profeta (SAW) disse: “Nunca se esqueçam de fazer o Tasbih, o Tahlil e o Takbir para não esquecer a misericórdia e contem as suas recordações com os nós dos dedos, pois, no Dia do juízo, os nós dos dedos serão interrogados e eles responderam”.

Abdullah Ibn Omar disse que viu o Mensageiro de Allah (SAW) fazer a contagem do Tasbih com os nós da sua mão direita.

 

10-A reunião onde não há recordação de Allah e nem invocação de benção para o Profeta (SAW):

Abu Hurairah relatou que o Profeta (SAW) disse: “As pessoas que participam de uma reunião e não recordam de Allah e nem invocam benção para o Profeta (SAW), elas vão se arrepender no Dia do Juízo”.

Ahmad narrou que Abu Hurairah relatou que o Profeta (SAW) disse: “As pessoas que participam de uma reunião e não recordam de Allah, elas vão se arrepender. Se um homem estiver andando e não se lembrar de Allah, vai se arrepender. Se um homem se deitar em sua cama e não se lembrar de Allah, vai se arrepender”. Outra versão diz: “Essas pessoas vão se arrepender, mesmo se entrarem no Paraíso devido as suas recompensas”.

O autor do livro Fath al Allam disse que alguns interpretadores de Hadith dizem que essas pessoas serão castigadas e como sabemos, o castigo é incorrido apenas quando um ato obrigatório é negligenciado ou um ato proibido é cometido, então, aparentemente a recordação de Allah e a invocação de benção para o Profeta (SAW) são dois atos obrigatórios.

 

11-A expiação por participar de uma reunião de conversa afiada:

Abu Hurairah relatou que o Profeta (SAW) disse: “A pessoa que participa de uma reunião de muita conversa afiada, antes de levantar, deve dizer:

 

سُبْحانَكَ اللَّهُمَّ وَبِحَمْدِكَ، أشْهَدُ أنْ لا إلهَ إلاَّ أنْتَ، أسْتَغْفِرُكَ وَأتوبُ إليْكَ

 

Subhanakal-lahumma wa bihamdika, wa achhadu an la ilaha illa anta, astaghfiruka wa atubu ilaik

 

Glorificado seja Tu ó Allah, louvado sejas, eu testemunho que não há divindade a não ser Ti, eu procuro por Teu perdão, eu me arrependo a Ti.

 

Assim, as possíveis faltas que possam ser cometidas nessa reunião, serão perdoadas”.

 

12-A expiação por calúnia:

O Profeta (SAW) disse: “A expiação por calúnia e difamação é implorar o perdão de Allah pela pessoa que foi caluniada e dizer:

 

اللَّهُمَّ اغْفِرْ لنا وَلَهُ.

 

Allahumma ighfir lana wa lahu

 

Ó Allah, perdoe-nos e a ele.

 

O preferível a este respeito é implorar o perdão pela pessoa que foi o alvo da calúnia e mencionar suas boas qualidades. Não é necessário informá-la sobre o fato e nem pedir a ela que te perdoe.<--PAGEBREAK-->

 

 

 

 

 

 

 

As Súplicas

(Al-Duaa)

 

An-Nuuman Ibn Bachir relatou que o Profeta (SAW) disse: “A súplica é uma adoração, pois Allah diz: “E o vosso Senhor disse: Invocai-Me, que vos atenderei! Em verdade, aqueles que se ensoberbecerem, ao Me invocarem, entrarão, humilhados, no inferno” (Alcorão 40:60)”.

Al-Hassan relatou que os companheiros perguntaram ao Profeta (SAW) onde estaria Allah e então, Allah revelou ao Profeta (SAW): “Quando Meus servos te perguntarem de Mim, dize-lhes que estou próximo e ouvirei o rogo do suplicante quando a Mim se dirigir” (Alcorão 2:186).

Abu Hurairah relatou que o Profeta (SAW) disse: “Não há nada mais louvável aos olhos de Allah do que a súplica”.

Abu Hurairah relatou que o Profeta (SAW) disse: “Quem quer que Allah responda as suas súplicas em tempo de dificuldade, deve então aumentar as suas súplicas em tempos de prosperidade”.

Anas narrou que o Profeta (SAW) relatou que Allah disse para o Seu servo no Hadith al Qudsi: “Há quatro ações, das quais uma é para Mim, uma é para ti, uma é entre Mim e ti e uma é entre você e Meus outros servos. Aquela que é para Mim é que você não deve associar nada e nem ninguém a Mim, para ti é que quando você faz uma boa ação Eu te recompensarei, entre Mim e ti é que quando você suplica, Eu te responderei e entre você e Meus outros servos é que você deve desejar para eles o que deseja para si mesmo”.

O Profeta (SAW) disse: “Aquele que não implora a Allah provoca a ira de Allah”.

Aicha relatou que o Profeta (SAW) disse: “As precauções não o protegem daquilo que é decretado por Allah, mas as súplicas te beneficiam na calamidade que te atinge ou está prestes a te atingir. E quando uma calamidade recai sobre uma pessoa, ela é enfrentada pelas súplicas e as duas (a súplica e a calamidade) travam uma batalha até o Dia da Ressurreição”.

Salman Al Farissi relatou que o Profeta (SAW) disse: “Nada repele o Decreto Divino salvo o Duaa e nada aumenta a vida de um indivíduo salvo as boas obras”.

O Profeta (SAW) disse: “Quando um de vós suplicar a Allah, deverá pedir os seus grandes desejos, pois nada é grande perante o poder de Allah”.

 

1-Etiquetas do Duaa:

1 - Buscar o sustento lícito:

Ibn Abbas disse que recitou o seguinte versículo na presença do Profeta (SAW): “Ó humanos, desfrutai de todo o lícito e do que a terra contém de salutar” (Alcorão 2:168). Então, Saad Ibn Abi Waqqas levantou-se e pediu que o Mensageiro de Allah suplicasse para que Allah atendesse as suas súplicas. O Mensageiro (SAW) respondeu-lhe: “Ó Saad, purifique seu alimento e serás atendido. Juro por Aquele em cujas mãos está a alma de Muhammad, que o servo que coloca um pedaço de pão ilícito em seu estômago, não terá as suas boas ações aceitas durante quarenta dias. E qualquer servo cuja carne vier do ilícito e da usura, o fogo lhe é mais apropriado”.

Abu Hurairah relatou que o Profeta (SAW) disse: “Allah é bom e só aceita o que é bom. Ele ordenou aos crentes o mesmo que ordenou aos mensageiros, dizendo: “Ó mensageiros, desfrutai de todas as dádivas e praticai o bem, porque sou Sabedor de tudo quanto fazeis!” (Alcorão 23:51). E disse também: “Ó crentes, desfrutai de todo o bem com que vos agraciamos e agradecei a Allah, se só a Ele adorais” (Alcorão 2:172)”. Depois, o Profeta (SAW) mencionou o homem que, em longas viagens, despenteado e sujo, levantava suas mãos aos céus e rogava: Ó Senhor! Ó Senhor! Mas como queria ser atendido se sua comida era ilícita, sua bebida era ilícita, sua vestimenta era ilícita e se alimentava com o ilícito? <--PAGEBREAK-->

 

2-Colocar-se em direção a Qiblah.

 

3-Escolher os tempos oportunos para fazer súplicas como o dia de Arafah, os dias do mês de Ramadan, as sextas-feiras, o último terço da noite, antes do amanhecer, durante as prostrações, durante a chuva, entre Al-Azhan e Al-Iqamah, na hora do combate, na hora do medo e quando o coração estiver sensível.

Abu Umamah relatou que o Profeta (SAW) foi perguntado sobre quais as súplicas teriam a maior aceitação e ele respondeu: “Aquelas que são feitas na última parte da noite e após as orações prescritas”.

Abu Hurairah relatou que o Profeta (SAW) disse: “O servo fica mais perto do Seu Senhor quando está em prostração, então, façam muitas súplicas quando vocês estiverem nessa posição para obterem a aceitação das vossas súplicas”.

Há muitos hadith sobre esse assunto que podem ser encontrados em livros.

 

4-Levantar as mãos: Malik Ibn Yassar relatou que o Profeta (SAW) disse: “Façam vossas súplicas com as palmas das mãos e não com os dorsos das mãos”.

Salman relatou que o Profeta (SAW) disse: “Na verdade, Allah é tímido e extremamente generoso, Ele se envergonha quando um servo levanta suas mãos Lhe implorando algo e baixe suas mãos vazias”.

 

5-Começar as suas súplicas louvando a Allah, agradecê-Lo e invocar a benção para o Profeta (SAW):

Ubaid relatou que o Profeta (SAW) ouviu um homem fazendo súplicas sem louvar a Allah e sem invocar benção para o Profeta (SAW). Ao terminar as suas súplicas, o Profeta (SAW) o chamou e lhe disse: “Ao suplicar, a pessoa deve começar louvando a Allah e invocando benção sobre o Profeta (SAW) e em seguida pode suplicar o que quiser”.

 

6-Suplicar com humildade e temor com voz nem baixa e nem alta:

Allah diz: “Não profiras (ó Muhammad) a tua oração em voz muito alta e nem demasiadamente baixa, mas procura um tom médio entre ambas” (Alcorão 17:110) e “Invocai-O com temor e esperança, porque Sua misericórdia está próxima dos benfeitores” (Alcorão 7:55).

Abu Mussa Al-Achaari disse que ao ouvir algumas pessoas fazendo Zhikr em voz alta durante uma viagem, o Profeta (SAW) disse: “Ó gente, acalmem-se, pois vocês não estão suplicando a nenhum surdo ou ausente! Allah é o Oniouvinte e Ele é mais próximo a vocês do que o pescoço das suas montarias. Ó Abdullah Ibn Qais, eu vou te ensinar uma frase que é um dos tesouros do Paraíso: La haula wala quwata illa billah”.

Abdullah Ibn Omar relatou que o Profeta (SAW) disse: “Os corações são como vasos, alguns mais atentos e amplos do que outros. Façam Duaa com a certeza de serem atendidos e saibam que Allah não atende o Duaa de um coração desatento perante a Ele”.

 

7-Não suplicar por um pecado ou pelo corte de laços sanguíneos:

Abu Said relatou que o Profeta (SAW) disse: “O muçulmano que faz uma súplica que não contém nenhum pecado ou corte de laços sanguíneos, Allah lhe dará uma das três coisas: atenderá o seu pedido, ou guardará a sua recompensa para a derradeira vida ou afastará uma quantidade equivalente de mal”. Os companheiros disseram que então, fariam muitas súplicas e o Profeta (SAW) disse: “Allah é Maior”.

 

8-Não ter pressa de ser atendido:

Abu Hurairah relatou que o Profeta (SAW) disse: “As súplicas serão atendidas, a menos que a pessoa se apresse dizendo: Eu supliquei a meu Senhor e Ele não atendeu a minha súplica”.

 

9-Ter a certeza que será atendido:

Abu Hurairah relatou que o Profeta (SAW) disse: “A pessoa não deve suplicar dizendo: Ó Allah, perdoa-me se quiseres. Ó Allah, tenha misericórdia de mim, se quiseres. A pessoa deve ser firme na sua súplica”.

 

10-Escolher as súplicas indicadas pelo Profeta (SAW), como:

“Ó Senhor nosso, concede-nos a graça deste mundo e do futuro e preserva-nos do tormento infernal” (Alcorão 2:201).

Um homem perguntou ao Profeta (SAW) qual seria a melhor suplica e ele disse: “Implorar o perdão e o bem-estar neste mundo e no outro”. No outro dia, o homem voltou e fez a mesma pergunta e o Profeta (SAW) lhe disse o mesmo. No terceiro dia, o homem voltou novamente e fez a mesma pergunta. Então, o Profeta (SAW) lhe respondeu o mesmo e disse: “Se você obter o perdão e o bem-estar neste mundo e no outro, você estará salvo”.

E o Mensageiro disse (SAW): “A melhor suplica é:

 

أللَّهُمَّ إنِّي أسْألُكَ العَفْوَ و العافِيَة في الدُّنْيا وَالآخِرَة

 

Allahumma inni as aluka al afua wal afiyah fid dunia wal akhirah.

 

Ó Allah, Eu imploro-Te o perdão e o bem-estar neste mundo e no outro.”

 

11-Não invocar a maldição sobre si mesmo, nem sobre os seus familiares e nem sobre a sua riqueza:

Jaber relatou que o Profeta (SAW) disse: “Não invocai a maldição sobre vós, ou sobre os vossos filhos, ou sobre os vossos empregados ou sobre as vossas riquezas, pois o momento da invocação poderá coincidir com o momento da aceitação das súplicas e a vossa maldição poderá ser aceita”.

 

12-Repetir a súplica por três vezes:

Abdullah Ibn Massud disse que o Profeta (SAW) gostava de repetir as súplicas e Al-Istighfar por três vezes.

 

13-Ao suplicar por uma pessoa deve começar por si mesmo:

Allah diz: “Ó Senhor nosso, perdoa-nos, assim como também aos nossos irmãos, que nos precederam na fé” (Alcorão 59:10).

Ubai Ibn Kaab disse que quando o Profeta (SAW) suplicava por alguém, começava a suplicar para si mesmo primeiro.

 

14-Passar as mãos no rosto:

Ao terminar a súplica, a pessoa deve louvar a Allah, invocar benção para o Profeta (SAW) e passar as mãos no rosto.<--PAGEBREAK-->

 

A súplica do pai, o jejuador, o viajante, e o oprimido.

O Profeta (SAW) disse: “Há três súplicas que, sem dúvida alguma, serão atendidas: A súplica do pai, do viajante e do oprimido”.

Em outro Hadith, o Profeta (SAW) disse: “Há três pessoas que suas súplicas serão atendidas: O jejuador ao desjejuar, o governante justo e a do oprimido que Allah a faz subir acima das nuvens, as portas do céu se abrem para ela e Allah dirá: Pela Minha Glória, Eu vou te dar a vitória, mesmo depois de certo tempo”.

 

Suplicar pelo irmão ausente:

1-Safuan Ibn Abdullah disse que viajou para Ach-Cham e foi visitar Abu Ad-Dardaa, mas ele não estava em casa. Então, Umm Ad-Dardaa lhe perguntou se iria fazer a peregrinação (Hajj) naquele ano e ele respondeu que sim. Ela, então, pediu que ele fizesse súplicas para eles, pois o Profeta (SAW) disse: “A súplica de um muçulmano por seu irmão ausente é atendida e há um anjo ao seu lado, cada vez que faz súplica pelo bem do seu irmão, o anjo diz: Amém e o mesmo para ti”. Ao ir para o mercado, encontrou Abu Ad-Dardaa e ele lhe disse o mesmo Hadith.

2-Abu Ad-Dardaa também relatou que o Profeta (SAW) disse: “A súplica de uma pessoa ausente feita por outra pessoa ausente é atendida rapidamente”.

3- Omar Ibn Al-Khattab disse que pediu a permissão do Profeta (SAW) para fazer Umrah. Ao dar-lhe a permissão disse: “Meu irmão, não se esqueça de mim em suas súplicas”. Omar disse que essas palavras lhe foram melhor do que toda a riqueza do mundo.

 

Como iniciar o Dua’a:

1-Buraidah disse que certa vez, o Profeta (SAW) ouviu um homem dizendo:

 

اللّهُـمَّ إِنِّـي أَسْأَلُـكَ بأني أشْهَدُ أنَّكَ أنْتَ الله لا إلهَ إلا أنْتَ الأَحَـد الصَّـمَدُ الَّـذي لَـمْ يَلِـدْ وَلَمْ يولَدْ، وَلَمْ يَكـنْ لَهُ كُـفُواً أَحَـد

 

Allahumma innii as’aluka bi anni achhadu annaka anta Allah la ilaha illa anta al-ahad al-samad, allazhii lam ialid wa lam iuulad wa lam iakun lahu kufuan ahad

 

Ó Allah, eu Te imploro, testemunho que Tu és Allah e que não há divindade além de Ti, o Único, o Mestre Auto-Suficiente, Possuidor das qualidades perfeitas para as quais toda a criação volta-se com precisão, não gerou, nem foi gerado e não há ninguém que se compare a Ti.

 

Ao ouvir isso, o Profeta (SAW) lhe disse: “Você suplicou Allah por Seu magnífico nome. Se alguém suplicá-Lo por esse nome, será ouvido e se alguém Lhe pedir com esse nome será atendido”.

2-Muazh disse que o Profeta (SAW) ouviu um homem dizer:

 

يا ذا الجَلال والإكْرام

 

Ya zhal jalali wal ikram

 

Ó Possuidor da majestade e honra.

Ao ouvir isso, o Profeta disse-lhe: “Peça, pois a sua súplica será atendida”.

3- Disse Anas, que certa vez estava sentado com o Profeta (SAW) e Zaid Ibn Al-Samit estava orando. Ao fazer o Tachahhud, ele suplicou dizendo:

 

اللّهُـمَّ إِنِّـي أَسْأَلُـكَ بِأَنَّ لَكَ الْحَـمْدُ لا إِلـهَ إِلاّ أَنْـتَ يا مَنّـانُ يا بَديـعَ السَّمواتِ وَالأَرْضِ يا ذا الجَلالِ وَالإِكْـرام، يا حَـيُّ يا قَـيّومُ

 

Allahumma innii as’aluka bi anna lakal hamdu laa ilaaha illaa anta ya mannaanu, ya badii’us-samauaati wal ardhi ia zhal jalaali wal ikraam, ia haiiu iaa qaiuum

 

Ó Allah, eu Te imploro, pois para Ti são todos os louvores, não há divindade além de Ti, o Benfeitor, o criador dos céus e da terra, o Possuidor da majestade e da honra. Ó Tu que vives eternamente, o Auto-Subsistente.

 

O Profeta (SAW) lhe disse: “Você suplicou a Allah por Seu magnífico nome. Se alguém suplicá-Lo por esse nome, será ouvido e se alguém Lhe pedir com esse nome, será atendido.”

4-Muawiah relatou que o Profeta (SAW) disse: “Aquele que suplicar a Allah com essas cinco frases, terá as suas súplicas atendidas”:

 

لاإلَهَ إلاّ الله والله أكْبَر، لا إلَهَ إلاّ الله وَحْدَهُ لا شَريكَ لهُ، لَهُ المُلْكُ ولهُ الحَمْدُ وَهُوَ عَلى كُلِّ شَيءٍ قَدير، لا إلهَ إلاّ الله وَلا حَوْلَ ولا قُوَّةَ إلا بالله.

Laa ilaaha illal-lah wa Allahu Akbar, Laa ilaaha illal-lah wahdahu laa chariika lahu, lahul-mulku walahul-hamd, wa huwa alaa kulli chayin qadiir, Laa ilaaha illal-lah walaa hawla walaa quwwata illa billaah

 

Não há divindade além de Allah, o Maior. Não há divindade além de Allah o Único que não possui sócio, Ele é o possuidor de toda soberania e louvores, Ele é quem possui poderes sobre todas as coisas. Não há divindade além de Allah e não há mudança nem poder a não ser por Allah.<--PAGEBREAK-->

 

As recordações da manhã e da tarde

O tempo das recordações da manhã é entre a oração do Fajr e o nascer do sol e o tempo das recordações da tarde é entre a oração do Asr e o pôr de sol.

1-Abu Hurairah relatou que o Profeta (SAW) disse: “Aquele que disser de manhã e de tarde cem vezes Subhana Allah wa bihamdihi, no dia do Juízo, ninguém o superará em mérito, salvo aquele que fez mais do que ele”.

2-Ibn Massud relatou que o Profeta (SAW) dizia à tarde:

 

أَمْسَيْنَا وَأَمْسَى الْمُلْك لِلَّهِ وَالْحَمْد لِلَّهِ لَا إِلَه إِلَّا اللَّه وَحْده لَا شَرِيك لَهُ , لَهُ الْمُلْك وَلَهُ الْحَمْد وَهُوَ عَلَى كُلّ شَيْء قَدِير , رَبّ أَسْأَلك خَيْر مَا فِي هَذِهِ اللَّيْلَة وَخَيْر مَا بَعْدهَا وَأَعُوذ بِك مِنْ شَرِّ مَا فِي هَذِهِ اللَّيْلَة وَشَرِّ مَا بَعْدهَا . رَبّ أَعُوذ بِك مِنْ الْكَسَل وَمِنْ سُوء الْكِبَر . رَبّ أَعُوذ بِك مِنْ عَذَاب النَّار وَعَذَاب الْقَبْر. ‏

 

Amsainaa wa amsaa al Mulku Lillah wal hamdu lillahi, laa ilaha illa Allahu,wahdahu laa chariika Lahu, Lahul mulku wa lahul hamdu wa Hua ³alaa kulli chei’in Qadiir. Rabbi asa‘luka khira maa fii haazhihil lailati, wa khira maa ba³dahaa,wa a³uzhu bika min cherri haazhihil lailati wa cherri maa ba³dahaa, Rabbi a³uzhubika minal kasali wa suu‘il kíbari, Rabbi a³uzhu bika min ³azhaabin naari wa³azhaabil qabri

 

“Nós alcançamos a tarde e a soberania de Allah predomina sobre tudo. Todos os louvores são para Allah e não há divindade além de Allah, o Único que não possui sócios. Seus são os louvores e a soberania. Ele é quem possui poder sobre todas as coisas. Ó meu Senhor, imploro-Te pelo bem que se encontra nesta noite e pelo bem que está após ela e protejo-me do mal desta noite e do mal que está após ela. Ó meu Senhor, protejo-me em Ti da preguiça e da senilidade. Ó meu Senhor, protejo-me em Ti do castigo infernal e do castigo do túmulo”.

 

E, então, quando amanhecia ele (SAW) dizia:

 

أصْبَحْنا وَأصْبَحَ المُلْكُ لِلهِ وَالحَمْدُ لِلهِ لا إلَهَ إلا اللهُ وَحْدَهُ لا شَرِيكَ لَهُ، لَهُ المُلْكُ وَلَهُ الحَمْدُ وَهُوَ عَلى كُلِّ شَيْءٍ قَدِيرٌ، رَبِّ أسْألُكَ خَيْرَ ما في هَذا اليَوْمِ وَخَيْرَ ما بَعْدَهُ، وَأعُوذُ بِكَ مِنْ شَرِّ هَذا اليَوْم وَ مِنْ شَرِّ ما بَعْدَهُ، رَبِّ أعُوذُ بِكَ مِنَ الكَسَلِ، وَسُوءِ الكِبَرِ، رَبِّ أعُوذُ بِكَ مِنْ عَذَابٍ في النَّارِ وَعَذَابٍ في القَبْر

 

Asbahna ua asbahal-mulku lillah, ual-hamdu lillah, la ilaha illal-lahu, uahdahu la charíka lahu, lahul-mulku, ua lahul-hamdu, ua hua ala kulli chai-in qadír, rabbi as-aluka, khaira ma fi hazal-iaumi, ua khaira ma baadahu, ua auuzu bika min chari ma fi hazal-iaumi, ua chari ma baadahu, rabbi auuzu bika minal-kaçal, ua sú-il kibar, rabbi auuzu bika min azábin fin-nár, ua azábin fil-qabr

 

“Nós alcançamos a manhã e a soberania de Allah predomina sobre tudo. Todos os louvores são para Allah e não há divindade real além de Allah, o Único que não possui sócios. Seus são os louvores e a soberania. Ele é quem possui poder sobre todas as coisas. Ó meu Senhor, imploro-Te pelo bem que se encontra neste dia e pelo bem que está após ele e protejo-me do mal deste dia e do mal que está após ele. Ó meu Senhor, protejo-me em Ti da preguiça e da senilidade. Ó meu Senhor, protejo-me em Ti do castigo infernal e do castigo do túmulo”.

 

3-Abdullah Ibn Khubaib disse que o Mensageiro de Allah (SAW) lhe disse: “Diga”! E ele lhe respondeu: Ó mensageiro de Allah, o que eu digo? Ele disse: “Diga: Allah é Único (Surat Al-Ikhlas). Diga: Protejo-me no Senhor da alvorada (Surat Al-Falaq). Diga: Protejo-me no Senhor dos humanos (Surat An-Nas). Repita estas três Suras ao amanhecer e ao entardecer, três vezes, e isto lhe será suficiente sobre todas as coisas”.

4-Abu Hurairah relatou que, ao amanhecer, o Profeta (SAW) dizia:

 

اللَّهُمَّ بِكَ أصْبَحْنا وَ بِكَ أمْسَيْنا، وَبِكَ نَحْيا وَ بِكَ نَمُوتُ، وَإلَيْكَ النُّشُورُ

 

Allahumma, bika asbahna, ua bika amsaina, ua bika nahiá, ua bika namútu, ua ilaikan-nuchúr

 

“Ó Allah, com Tua permissão alcançamos a manhã, com Tua permissão alcançaremos a tarde, com Tua permissão viveremos e morreremos e a Ti ressucitaremos”.

 

E ao entardecer, o Profeta (SAW) dizia:

 

اللَّهُمَّ بِكَ أمْسَيْنا وَبِكَ أصْبَحْنا، وَبِكَ نَحْيا وَ بِكَ نَمُوتُ، وَإلَيْكَ المَصِير

 

Allahumma, bika amsaina, ua bika asbahna, ua bika nahiá, ua bika namútu, ua ilaikal-macir

 

“Ó Allah, com Tua permissão alcançamos a tarde, com Tua permissão alcançaremos a manhã, com Tua permissão viveremos e morreremos e a Ti será o nosso retorno”.

 

5-Chaddad Ibn Aus relatou que o Profeta (SAW) disse que a melhor súplica para pedir o perdão de Allah é:

 

اللَّهُمَّ أنْتَ رَبِّي لا إلَهَ إلا أنْتَ، خَلَقْتَني و أنا عَبْدُكَ، وَأنا عَلَى عَهْدِكَ وَ وَعْدِكَ ما اسْتَطَعْت أعُوذُ بِكَ مِنْ شَرِّ ما صَنَعْتُ، أبُوءُ لَكَ بِنِعْمَتِكَ عَلَيَّ، وَأبُوءُ بِذَنْبي، فَاغْفِرْ لي فَإنَّهُ لا يَغْفِرُ الذُّنوبَ إلا أنْتَ

 

Allahumma anta rabbi, la ilaha illa anta, khalaqtani ua ana abduka, ua ana ala ahdika, ua uaadika, ma istataatu, auuzu bika min chari ma sanaatu, abu-u laka biniimatika alaiya, ua abu-u bi zanbi, faghfir li, fa innahu la ighfiruz-zunuba, illa anta

 

Ó Allah, Tu és meu Criador, não há divindade real além de Ti. Tu criaste-me e eu sou Teu servo, e eu cumpro o Teu trato e a Tua promessa enquanto puder e protejo-me em Ti do mal que pratiquei. Eu reconheço Teu favor sobre mim e reconheço os meus pecados. Perdoa-me, pois não há quem possa perdoar os pecados além de Ti.

 

O Profeta (SAW) disse: “Aquele que disser esse Dua’a ao entardecer e morrer durante a noite, entrará no Paraíso, e aquele que disser isso ao amanhecer e morrer durante o dia, entrará no Paraíso”.

6-Abu Hurairah relatou que Abu Bakr As-Siddiq disse para o Profeta (SAW): Ó mensageiro de Allah, ensina-me uma súplica para fazê-la de manhã e de tarde. O Profeta (SAW) lhe disse que ao amanhecer, ao entardecer e ao dormir deveria recitar:

 

اللَّهُمَّ فَاطِرَ السَّمَاواتِ والأرْضِ عَالِمَ الغَيْبِ والشَّهَادَةِ ؛ رَبَّ كُلِّ شَيْءٍ وَمَلِيكَهُ ، أَشْهَدُ أنْ لا إلَهَ إِلاَّ أنْتَ ، أعُوذُ بِكَ مِنْ شَّرِّ نَفْسِي وَشَرِّ الشَّيْطَانِ وَشِرْكِهِ أوْ أَقْتَرِفَ سوءاً على نَفْسي أوْ أجُرَّهُ إلى مُسْلِم.

 

Allahumma ³aalimal ghaibi wach chahaadati Faat́ira assamauaati wal ardhi rabba kulli chai-in wa maliikahu, achhadu an laa ilaha illa Anta, a³uzhu bika min charri nafsii wa min charri ach-chaitaani wa chirkihi, wa an aqtarifa ³alaa nafsii suu-an au ajurrahu ilaa muslimin<--PAGEBREAK-->

 

Ó Allah, Conhecedor do que é oculto e do que é evidente, Criador dos céus e da terra, Senhor de todas as coisas e seu Possuidor, testemunho que não há divindade além de Ti. Busco refúgio em Ti do mal que está em minha alma, do mal do Satanás e de sua influência na associação de algo a Allah e de cometer algum mal contra mim mesmo ou a qualquer outro dentre os muçulmanos”.

 

7-Uthman Ibn Affan relatou que o Profeta (SAW) disse: “O servo de Allah que recita três vezes, de manhã e à tarde a seguinte súplica, não será atingido por nenhum mal”:

 

بِسْمِ اللهِ الَّذِي لا يَضُرُّ مَعَ اسْمِهِ شَيْءٌ في الأرْضِ وَلاَ في السَّمَاءِ وَهُوَ السَّمِيعُ العَلِيمُ

Bismillahi allazhíí laa iadhurru ma³a ismihi chai’un fiil ardhi wa laa fis-samaa wa huas-samii³ul ³Aliimu

 

Em nome de Allah, Aquele com qual o nome não prejudica nada da terra nem nos céus. Ele é quem tudo ouve e tudo sabe.

 

8-Thauban relatou que o Profeta (SAW) disse: “Aquele que recita de manhã e à tarde a seguinte súplica, Allah o deixará satisfeito”:

 

رَضيتُ بِاللهِ رَبّاً وبِالاسْلامِ ديناً و بِمُحَمَّدٍ صَلَّى اللهُ عَلَيْهِ وَسَلَّمَ نَبِيَّاً.

 

Radhiitu billahi rabban, wa bil Islaami diinan, wa bi Muhammadin (SAW) Nabiian.

 

Eu me comprazo com Allah por Senhor, com o Islam como religião e com Muhammad (SAW) como profeta.

 

9-Anas relatou que o Profeta (SAW) disse: “Aquele que recita de manhã e à tarde, quatro vezes, a seguinte súplica, será salvo do inferno”:

 

اللَّهُمَّ إنِّي أصْبَحْت (أوْ أمْسَيْتُ)أُشْهِدُكَ وَأُشْهِدُ حَمَلَةَ عَرْشِكَ،وَمَلائِكَتِكَ وَجَمِيعَ خَلْقِكَ،أنَّكَ أنْتَ اللهُ لا إلَهَ إلا أنْتَ وَحْدَكَ لا شَرِيكَ لَكَ،وَأنَّ مُحَمَّداً عَبْدُكَ وَ رَسُولُكَ

 

Allahumma innii asbahtu uchhiduka,wa uchhidu hamalata ³archika, wa mala-ikataka, wa jamii³a khalqika, annaka Anta Allah laa ilaha illa Anta, wahdaka laa chariika laka, wa anna Muhammadan ³abduka wa rassuluka

 

Ó Allah, amanheço prestando testemunho a Ti, aos carregadores de Teu trono, aos teus anjos e a toda Tua criação, que em verdade tu és Allah e não há divindade além de Ti. O Único que não possui sócios e que Muhammad é teu servo e mensageiro.

 

10-Abdullah Ibn Ghannam relatou que o Profeta (SAW) disse: “Aquele que disser a seguinte recordação pela manhã terá agradecido por seu dia e aquele que a disser à tarde terá agradecido por sua noite”:

 

اللَّهُمَّ ما أصْبَحَ بي مِنْ نِعْمَةٍ أوْ بِأحَدٍ مِنْ خَلْقِكَ فَمِنْكَ وَحْدَكَ لا شَريكَ لَكَ فَلَكَ الحَمْدُ وَلَكَ الشُّكْر

 

Allahumma maa asbaha bii min ni³matin, au bi ahadin min khalqika, fa minka wahdaka laa chariika laka, fa lakal hamdu wa laka al chukru

 

Ó Allah, toda misericórdia advinda nesta manhã sobre mim ou a qualquer de Tuas criaturas, é somente de Ti, o Que não possui sócio, pois para Ti é o louvor e o agradecimento.

 

11-Ibn Omar relatou que o Profeta (SAW) dizia sempre de manhã e à tarde:

 

اللّهُـمَّ إِنِّـي أسْـأَلُـكَ العَـفْوَ وَالعـافِـيةَ في الدُّنْـيا وَالآخِـرَة ، اللّهُـمَّ إِنِّـي أسْـأَلُـكَ العَـفْوَ وَالعـافِـيةَ في ديني وَدُنْـيايَ وَأهْـلي وَمالـي ، اللّهُـمَّ اسْتُـرْ عـوْراتي وَآمِـنْ رَوْعاتـي ، اللّهُـمَّ احْفَظْـني مِن بَـينِ يَدَيَّ وَمِن خَلْفـي وَعَن يَمـيني وَعَن شِمـالي ، وَمِن فَوْقـي ، وَأَعـوذُ بِعَظَمَـتِكَ أَن أُغْـتالَ مِن تَحْتـي

 

Allahumma innii as-aluka al ³afua wal ³aafiiata fid dunia wal áakhirati, Allahumma innii as-aluka al ³afua wal ³aafiiata fii diinii, wa duniaaia wa ahlii,wa maalii, Allahumma ustur ³auraatii,wa aamin rau³aatii, Allahumma ahfadhnii min baini iadaiia, wa min khalfii, wa³an iamiini wa³an chimaalii, wa min fauqii, a³uzhu bi³adhamatika an ughtaala min tahtii.]

 

Ó Allah, imploro-Te o perdão e o bem estar neste mundo e no outro. Ó Allah, imploro-Te o perdão e o bem estar na minha religião, nos afazeres mundanos, na minha família e nos meus bens. Ó Allah, oculta minhas deficiências e protege-me do meu medo. Ó Allah, preserva-me em minha frente, em minhas costas, em minha direita, em minha esquerda e sobre mim. Busco refúgio em Teu poder de ser engolido pela terra.

 

12-Abdurrahman Ibn Abi Bakrah disse ao seu pai que o ouvia dizer todos os dias, de manhã e à tarde:

 

اللّهُـمَّ عافِـني في بَدَنـي ، اللّهُـمَّ عافِـني في سَمْـعي ، اللّهُـمَّ عافِـني في بَصَـري ، لا إلهَ إلاّ أَنْـتَ

 

Allahumma aafinii fi badanii, Allahumma aafinii fi sam’ii, allahumma aafinii fi bassari. Laa ilaaha illaa anta

 

Ó Allah, dá a meu corpo saúde. Ó Allah, dá saúde à minha audição e saúde à minha vista. Não há divindade além de Ti.

 

Então, o pai disse que ouviu o Mensageiro de Allah (SAW) fazer essa súplica e que estava seguindo a sua Sunnah.

13-Abu Ad-Dardaa relatou que o Profeta (SAW) disse: “Quem disser sete vezes de manhã e sete vezes à tarde a seguinte recordação, Allah aliviará a sua angústia nessa vida e na outra”:

 

حَسْبِيَ اللهُ لا إلهَ إلاَّ هُوَ عَلَيْهِ تَوَكَّلْتُ وَهوَ رَبُّ العَرْشِ العَظيم

 

Hasbii Allah laa ilaha illa hua ³alaihi tawakkaltu wa hua Rabbul ³archil Adhiimi.

<--PAGEBREAK-->

 

Para mim, basta Allah, pois não há divindade além d’Ele, confio-me a Ele e Ele é o Senhor do trono poderoso.

 

14-Anas relatou que o Profeta (SAW) perguntou aos companheiros: “Será que vocês são incapazes de serem igual a Abu Dhamdham?” Eles perguntaram quem era Abu Dhamdham e ele disse: “De manhã, ele dizia: Ó Allah, Eu me coloco em Suas mãos. Não difamava quem o difamava, não cometia injustiça com quem o injustiçava e não agredia quem o agredia.”

15-Talq Ibn Habib disse que um homem disse para Abu Ad-Dardaa que sua casa havia se incendiado e Abu Ad-Dardaa lhe disse sua casa não havia se incendiado, pois aprendera a seguinte recordação do Profeta (SAW):

 

اللَّهُمَّ أَنْتَ رَبِّي لا إِلَهَ إِلا أَنْتَ ، عَلَيْكَ تَوَكَّلْتُ ، وَأَنْتَ رَبُّ الْعَرْشِ الْكَرِيمِ , مَا شَاءَ اللَّهُ كَانَ ، وَمَا لَمْ يَشَأْ لَمْ يَكُنْ ، وَلا حَوْلَ وَلا قُوَّةَ إِلا بِاللَّهِ الْعَلِيِّ الْعَظِيمِ , أَعْلَمُ أَنَّ اللَّهَ عَلَى كُلِّ شَيْءٍ قَدِيرٌ ، وَأَنَّ اللَّهَ قَدْ أَحَاطَ بِكُلِّ شَيْءٍ عِلْمًا , اللَّهُمَّ إِنِّي أَعُوذُ بِكَ مِنْ شَرِّ نَفْسِي ، وَمِنْ شَرِّ كُلِّ دَابَّةٍ أَنْتَ آخِذٌ بِنَاصِيَتِهَا ، إِنَّ رَبِّي عَلَى صِرَاطٍ مُسْتَقِيمٍ

 

Allahumma anta rabbi la ilaha illa anta, alaika tawakkaltu wa anta rabbul-archil-karim. Ma chaa Allah kan, wa ma lam yachaa lam yakun, wa la haula wala quwata illa billah al-aliyu al-azim. Aalamu anna Allah ala kulli chai-in qadir, wa anna Allaha qad ahata bikulli chai-in ilman. Allahumma inni auuzhu bika min charri nafsi, wa min charri kulli dabbatin anta akhizhun binassiyatiha, inna rabbi ala siratin mustaqim

 

Ó Allah, Tu és meu Criador e não há outra divindade além de Ti. Confio-me a Ti, pois Tu és o Senhor do trono generoso. O que Allah quiser, haverá e o que Ele não quiser, não haverá. Não há transformação nem poder a não ser por Allah o Altíssimo, o Poderosíssimo. Sei que Allah tem o poder sobre todas as coisas e que tudo abrange com Sua onisciência. Ó Allah, eu protejo-me em Ti do mal da minha alma e do mal de todo animal que sua fronte está em Tuas mãos. Na verdade, o meu Senhor está na senda reta.

 

O Profeta (SAW) disse: “Aquele que disser essa recordação de manhã e à tarde não será atingido por nenhum mal”.

Uns relatos dizem que Abu Ad-Dardaa e os companheiros foram até a casa e o fogo estava ao redor, mas não sofreu dano nenhum.

 

Recordações ao dormir

1-Huzhaifah e Abu Zhar dizem que ao dormir, o Profeta (SAW) dizia:

 

بِاسْمِكَ اللَّهُمَّ أموت وأحْيا

 

Bismika Allahumma amuutu wa ahiaa

 

Em Teu nome, ó Allah, eu morro e vivo.

 

E ao acordar, ele (SAW) dizia:

 

الْحَمْدُ لِلَّهِ الَّذِى أَحْيَانَا بَعْدَ مَا أَمَاتَنَا وَإِلَيْهِ النُّشُورُ

 

Alhamdulillah allazhíí ahiaanaa ba³ada maa amáatana wa ileihin-nuchur

 

Louvado seja Allah que nos dá a vida depois de nos Ter feito morrer, e o retorno será a Ele”.

 

2-Ao dormir, o Profeta (SAW) colocava a sua mão direita sob a sua face e dizia:

 

اللَّهُمَّ قِنِي عَذَابَكَ يَوْمَ تَبْعَثُ عِبَادَكَ، اللَّهُمَّ قِنِي عَذَابَكَ يَوْمَ تَبْعَثُ عِبَادَكَ، اللَّهُمَّ قِنِي عَذَابَكَ يَوْمَ تَبْعَثُ عِبَادَكَ.

اللَّهُمَّ رَبَّ السَّمَوَاتِ وَرَبَّ الأَرْضِ ، وَرَبَّ الْعَرْشِ الْعَظِيمِ ، رَبَّنَا وَرَبَّ كُلِّ شَيْءٍ فَالِقَ الْحَبِّ وَالنَّوَى مُنْزِلَ التَّوْرَاةِ وَالإِنْجِيلِ وَالْقُرْآنِ ، أَعُوذُ بِكَ مِنْ شَرِّ كُلِّ شَيْءٍ أَنْتَ آخِذٌ بِنَاصِيَتِهِ ، اللَّهُمَّ أَنْتَ الأَوَّلُ فَلَيْسَ قَبْلَكَ شَيْءٌ ، وَأَنْتَ الآخِرُ فَلَيْسَ بَعْدَكَ شَيْءٌ ، وَأَنْتَ الظَّاهِرُ فَلَيْسَ فَوْقَكَ شَيْءٌ ، وَأَنْتَ الْبَاطِنُ فَلَيْسَ دُونَكَ شَيْءٌ ، اقْضِ عَنَّا الدَّيْنَ ، وَأَغْنِنَا مِنَ الْفَقْرِ

 

Allahumma qini azhabaka yauma tab’athu ibadaka, allahumma qini azhabaka yauma tab’athu ibadaka, allahumma qini azhabaka yauma tab’athu ibadaka. Allahumma rabbas samawaatis,wa rabbal ardhi, wa rabbal-archi al-azim, rabbanaa wa rabba kulli chai‘in, faaliqal habbi wannáwaa wa munázzila atauraati wal injiili,wal qur-áan, a³uzhu bika min charri kulli chai‘in Anta áakhizhun binassiatihi. Allahumma Antal áaualu faleissa qablaka chai‘un, wa Antal áakhiru faleissa ba³daka chai‘un, wa Anta Adhdhaahiru faleissa fauqaka chai‘un, Antal baat́inu faleissa dúnaka chai‘un. íqdhi ³annaa addaina wa aghninaa minal faqri

 

Ó Allah protege-me de Teu castigo no dia em que ressuscitares teus servos. Ó Allah protege-me de Teu castigo no dia em que ressuscitares teus servos. Ó Allah protege-me de Teu castigo no dia em que Tu ressuscitares teus servos.

Ó Allah, Senhor dos céus, Senhor da terra, Senhor do trono poderosíssimo, nosso Senhor e Senhor de todas as coisas, Senhor da fissura da semente e do caroço da tâmara, Revelador da Torá, do Evangelho e do Alcorão, busco refúgio em Ti de todos os males das coisas existentes pelas quais Tu és responsável. Ó Allah, Tu és o Primeiro e antes de ti não há nada, o Último e depois de Ti não haverá nada, o Evidente e não há nada acima de Ti, o Oculto e não há nada sob Ti. Quita nossa dívida e enriquece-nos da pobreza.

 

3-Ao dormir, o Profeta (SAW) dizia também:

 

الْحَمْدُ لِلَّهِ الَّذِي أَطْعَمَنَا وَسَقَانَا وَكَفَانَا وَآوَانَا ، فَكَمْ مِمَّنْ لا كَافِيَ لَهُ وَلا مُؤْوِي

 

Alhamdulil-lah allazhíí at́³amanaa wa saqáanaa, wa kafáanaa wa áawaanaa, fakám miman laa káafia lahu wa laa mú‘wiia

 

Todos os louvores pertencem a Allah, Que nos deu de comer e beber, que nos deu suficiência e o refúgio. E quantos são os que não possuem alguém que os satisfaça ou lhes refugie.<--PAGEBREAK-->

 

4-Quando o Profeta (SAW) se abrigava em sua cama todas as noites, ele juntava suas mãos e sussurrava nelas recitando: “Dize: Ele é Único” (Surat Al-Ikhlas), “Dize: Protejo-me no Senhor da alvorada” (Surat Al-Falaq) e “Dize: Protejo-me no Senhor dos humanos” (Surat An-Nas).Depois ele passava-as no que elas alcançavam de seu corpo, iniciando por sua cabeça e sua face e depois passando na parte anterior do seu corpo, três fezes.

5-Ele (SAW) disse: “Quando alguém se levantar e depois retornar a sua cama, deveria passar a ponta de sua roupa na cama por três vezes, pois ele não sabe o que entrou em seu lugar após ele sair e assim que se deitar que diga:

 

بِاسْمِكَ رَبِّي وَضَعْتُ جَنْبِي وَبِكَ أَرْفَعُهُ ، إِنْ أَمْسَكْتَ نَفْسِي فَارْحَمْهَا ، وَإِنْ أَرْسَلْتَهَا فَاحْفَظْهَا بِمَا تَحْفَظُ بِهِ عِبَادَكَ الصَّالِحِينَ

 

Bismika Rabbi wadha³tu janbi wa bika arfa³uhu fa‘in amsakta nafsi fa arhamha wa in arsaltaha fa ahfadhhaa bima tahfadhu bihi ³ibaadakas saalihiin

 

Em Teu nome, meu Senhor, eu coloquei o meu lado e em Teu nome levanto-me, pois se tomares a minha alma, tenha misericórdia dela e se ela for solta que a proteja como protegeste as almas de teus servos virtuosos.

 

6-O Mensageiro (SAW) disse para sua filha Fátima: “Ao dormir, você diga trinta e três vezes Subhanallah, trinta e três vezes Al-hamdulillah e trinta e quatro vezes Allahu Akbar”.

7-O Profeta (SAW) disse: “Quando você se abriga em sua cama, leia Aiatul-Kursi (versículo do Trono - Alcorão 2: 255) até terminá-lo, com isso você estará com uma proteção de Allah e os demônios não se aproximarão de ti até que amanheça”.

8-O Profeta (SAW) disse para Al-Baraa: “Quando você for para sua cama faça a ablução como se estivesse fazendo para a oração, depois se deite de seu lado direito e diga o seguinte, pois se morrer morrerá sobre a Fitrah (crença pura)”:

 

اللهم أَسْلَمْتُ نَفْسِي إِلَيْكَ، وَوَجَّهْتُ وَجْهِي، وَأَلْجَأْتُ ظَهْرِي إِلَيْكَ، وَفَوَّضْتُ أَمْرِي إِلَيْكَ؛ رَغْبَةً وَرَهْبَةً إِلَيْكَ، لَا مَلْجَأَ وَلَا مَنْجَا مِنْكَ إِلَّا إِلَيْكَ، آمَنْتُ بِكِتَابِكَ الَّذِي أَنْزَلْتَ، وَبِنَبِيِّكَ الَّذِي أَرْسَلْتَ

 

Allahumma aslamtu nafsi ilaika, wa fawadhtu amirí ilaika, wa wajahtu wajhii ilaika, wa alja‘tu dhahrii ilaika, rághbatan wa ráhbatan ilaika laa maljaá‘ Wa laa manjáa minka illa ilaika, aamántu bikitáabika allazhíí anzalta wa binabiíika allazhíí arsalta

 

“Ó Allah, eu submeto-Te minha alma, confio meus afazeres a Ti, torno meu rosto a Ti e refugio minhas costas a Ti em esperança e temor a Ti. Não há refúgio ou segurança de Ti a não ser em Ti, creio no livro que revelaste e no Profeta que Tu enviaste”.

 

Recordações ao acordar

1-O Profeta (SAW) disse: “Ao acordar, a pessoa deve dizer”:

 

الْحَمْدُ لِلَّهِ الَّذِي رَدَّ عَلَيَّ رُوحِي ، وَعَافَانِي فِي جَسَدِي ، وَأَذِنَ لِي بِذِكْرِهِ

 

Alhamdu lillahi allazhíí ³aafaanii fii jássadii wa radda ³alaiya ruhii wa ázhina li bizhikrihi

 

“Louvado seja Allah que proveu a saúde ao meu corpo, devolveu a minha alma e permitiu que me lembrasse Dele”.

 

2-Também disse que a pessoa deve dizer:

 

الْحَمْدُ لِلَّهِ الَّذِى أَحْيَانَا بَعْدَ مَا أَمَاتَنَا وَإِلَيْهِ النُّشُورُ

 

Alhamdulillah allazhíí ahiaanaa ba³ada maa amáatana wa ileihin-nuchur

 

“Louvado seja Allah que nos dá a vida depois de nos Ter feito morrer e o retorno será a Ele”.

 

3-O Mensageiro de Allah (SAW) disse: “Quem perder o sono durante a noite e disser o seguinte, assim que levantar, será perdoado e a sua súplica será aceita. Se levantar-se, fizer a ablução e então rezar, sua oração será aceita”:

 

لا إلهَ إلا الله وَحْدَهُ لا شَريكَ لَهُ، لَهُ المُلْكُ وَ لَهُ الحَمْدُ وَهُوَ عَلى كُلِّ شَيْءٍ قَدير، الحَمْدُ لله، وَسُبْحانَ الله ولا إلهَ إلا الله، واللهُ أكْبَر ولا حَوْلَ وَلا قُوَّةَ إلا بِالله.

 

La ilaha illal-lah wahdahu la charika lahu, lahul-mulku wa lahul-hamdu wa hua ala kulli chai-in qadir. Alhamdu lillah, subhanal-lah, la ilaha illa Allah wa Allah Akbar, la haula wa la quwata illa billah

 

“Não há divindade a não ser Allah, o Único, que não possui sócios. Sua é a soberania e para Ele são os louvores. Ele tem o poder sobre todas as coisas. Glorificado seja Allah. Louvado seja Allah. Não há divindade real a não ser Allah. Allah é O maior e não há mudança e nem poder a não ser em Allah. Ó meu Senhor me perdoe.

 

Recordação ao sentir medo

O Profeta (SAW) disse que ao sentir medo antes de dormir, a pessoa deve dizer:

 

أعُوذُ بِكَلِماتِ اللهِ الَّتَّامَّاتِ مِنْ غَضَبِهِ وَعِقابِهِ وَشَرِّ عِبادِهِ وَمِنْ هَمَزاتِ الشَّيْطان وَأنْ يَحْضُرون

 

Auzhu bikalimatil-lahi at-tammati min ghadhabihi wa iqabihi wa charri ibadihi, wa min hamazati al-chaitani wa an yahdhurun

 

“Busco proteção nas perfeitas palavras de Allah, de Sua fúria e de Seu castigo, da maldade de Seus servos, das insinuações dos demônios e das suas presenças”.

 

Abdullah Ibn Amr ensinava isso para seus filhos adultos, escrevia essa súplica e a pendurava ao redor dos pescoços dos seus filhos pequenos.<--PAGEBREAK-->

 

Recordação ao sentir insônia

Khalid Ibn Al-Walid relatou que ele sofria de insônia e que o Profeta (SAW) lhe ensinou para que recitasse para dormir:

 

اللَّهُمَّ رَبَّ السَّمَوَاتِ السَّبْعِ وَمَا أَظَلَّتْ , وَرَبَّ الأَرَضِينَ وَمَا أَقَلَّتْ , وَرَبَّ الشَّيَاطِينَ وَمَا أَضَلَّتْ كُنْ جَارِي مِنْ شَرِّ خَلْقِكَ جَمِيعًا أَنْ يَفْرُطَ عَلَيَّ أَحَدٌ مِنْهُمْ وَأَنْ يَطْغَى عَلَي , عَزَّ جَارُكَ وَجَلَّ ثَناؤُك لا إِلَهَ إلا أنْتَ

 

Allahumma rabba as-samawati as-sab’ wama adhlalat, wa rabbal-ardhina wama aqallat, wa rabba al-Chayatin wama adhallat, kun Jarí min charri khalqika Jami’an, an yafruta alaiya ahadun minhum wa an yatgha alaiya, azza jaruka wa jalla thana-uka, la ilaha illa anta

 

“Ó Allah, Criador dos sete céus e de tudo o que eles contêm, Criador das sete terras e de tudo que elas levam, Criador dos demônios e de tudo que eles desviam, seja o meu Protetor do mal de todas as suas criaturas, de ser agredido ou injustiçado por alguma delas, pois Teu protegido é fortalecido. Tu és possuidor do majestoso louvor e não há divindade além de Ti”.

 

Recordação ao sentir solidão

Al-Baraa Ibn Azib relatou que um homem disse ao Profeta (SAW) que sentia solidão à noite e o Profeta (SAW) lhe ensinou a dizer:

 

سُبْحَانَ الله الْمَلِكِ الْقُدُّوسِ ، رَبِّ الْمَلائِكَةِ وَالرُّوحِ ، جَلَّلْتَ السَّمَوَاتِ وَالأَرْضَ بِالْعِزَّةِ وَالْجَبَرُوتِ

 

Subhana Allah Al-Malik Al-Quddus, rabbil-mala-ikati wa al-ruh, jallalta as-samawati wal-ardha bil izzati wal jabarut

 

“Louvado seja Allah, O Rei, O Puro, O Criador dos anjos e do Espírito (Gabriel)! Tu honraste os céus e a terra com a Sua Glória e Seu Poder”.

 

Sonhar um sonho desagradável

Jaber relatou que o Profeta (SAW) disse: “Quando alguém tiver um sonho desagradável, deve cuspir três vezes para o lado esquerdo e pedir a proteção de Allah contra o Satanás também três vezes e mudar de posição”.

Abu Said Al-Khudri relatou que ouviu o Profeta (SAW) dizer: “Quando alguém tem um sonho agradável, é uma graça de Allah e deve louvar a Allah e contar o seu sonho para os seus queridos. Quando alguém tem um sonho desagradável, isso é do Satanás. Deve pedir a proteção de Allah do mal desse sonho e não contar para ninguém, assim, não terá mal nenhum”.

 

Recordação ao vestir uma roupa

1-Ao vestir uma roupa, camisa ou turbante, o Profeta (SAW) dizia:

 

اللَّهُمَّ إِنِّي أَسْأَلُكَ مِنْ خَيْرِهِ وَخَيْرِ مَا هُوَ لَهُ ، وَأَعُوذُ بِكَ مِنْ شَرِّهِ وَشَرِّ مَا هُوَ لَهُ

 

Allahumma inni as-aluka min khairihi wa khairi maa hua lahu, wa a³uzhu bika min charrihi wa charri maa hua lahu

 

“Ó Allah, imploro a Ti pelo bem que esta roupa possa conter, pelo bem que ela possa me trazer, me protejo em Ti do mal que ela possa conter e do mal que ela possa me trazer”.

 

2-Muazh Ibn Anas relatou que o Profeta (SAW) disse: “Aquele que veste uma roupa nova e diz:

 

الْحَمْدُ لِلَّهِ الَّذِي كَسَانِي هَذَا الثَّوْب وَرَزَقَنِيهِ مِنْ غَيْرِ حَوْلٍ مِنِّي وَلا قُوَّةٍ

 

Alhamdu lillahi allazhi kassani hazha al-thaub wa razaqanihi min ghairi haulin minni wala quwah

 

“Os louvores são para Allah, que me vestiu e concedeu essa roupa sem que eu próprio tivesse condições ou força para obtê-la.”

 

Terá os seus pecados anteriores perdoados.”

3-Omar relatou que o Profeta (SAW) disse: “Aquele que veste uma roupa nova e diz:

 

الْحَمْدُ لِلَّهِ الَّذِي كَسَانِي مَا أُوَارِي بِهِ عَوْرَتِي وَأَتَجَمَّلُ بِهِ فِي حَيَاتِي

 

Alhamdu lillah allazhi kassani ma uwari bihi aurati wa atajammalu bihi fi hayati

 

“Os louvores são para Allah, que me vestiu um algo para cobrir minha Aurah, e me embelezar nessa vida.”

 

Depois disso, pegar a sua roupa velha e doá-la como caridade para alguém, estará sobre a proteção de Allah, na vida e na morte.<--PAGEBREAK-->

 

Súplica a quem usar uma roupa nova

1-Ao doar uma roupa para Umm Khalid, o Profeta (SAW) lhe disse:

 

أبْلي واخْلِفي

 

Abli wakhlifi

 

“Possa você usá-la até exaurir-se e possa ter outra.”

 

Os companheiros costumavam dizer:

 

تُبْلى ويُخْلِفُ الله

 

Tubla wa yukhlifu Allah

 

“Possa você usá-la até exaurir-se e possa Allah te conceder outra.”

 

2-Ao ver Omar com uma roupa nova, o Profeta (SAW) lhe disse:

 

الْبَسْ جَدِيدًا وَعِشْ حَمِيدًا وَمِتْ شَهِيدًا

 

Ilbas jadidan wa ³ich hamidan wa mut chahidan

 

“Que Allah te conceda uma roupa nova, tenha vida honrada e morra como um mártir.”

 

Recordação ao tirar a roupa

Anas relatou que o Profeta (SAW) disse: “Para se proteger dos olhos do Jinns ao tirar a sua roupa, o muçulmano deve dizer:

 

بِسْمِ اللهِ الَّذي لا إلهَ إلا هُوَ

 

Bismillahi allazhi la ilaha illa hua

 

“Em nome de Allah que não existe Deus senão Ele.”

 

Súplica ao sair de casa

1-Anas relatou que o Profeta (SAW) disse: “Aquele que diz ao sair de casa:

 

بِسْمِ اللَّهِ تَوَكَّلْتُ عَلَى اللَّهِ لا حَوْلَ وَلا قُوَّةَ إِلا بِاللَّهِ

 

Bismillah, tauakaltu alal-lah, la haula wala quwata illa billah

 

“Em nome de Allah, entrego-me a Allah, pois não há mudança e nem poder a não ser por Allah.”

 

Será dito para ele: Isso é suficiente, você esta salvo, guiado e protegido. Então, um diabo o deixa e fala para outro diabo: Como você pode lidar com um homem que é salvo, guiado e protegido?”

2-Anas relatou que o Profeta (SAW) disse: “Ao sair de casa, a pessoa deve dizer:

 

بِسْمِ اللَّهِ ، آمَنْتُ بِاللَّهِ ، اعْتَصَمْتُ بِاللَّهِ ، تَوَكَّلْتُ عَلَى اللَّهِ ، لا حَوْلَ وَلا قُوَّةَ إِلا بِاللَّهِ

 

Bismillah, amantu billah, i’tasmtu billah, tauakaltu alal-lah, la haula wala quwata illa billah

 

“Em nome de Allah, creio em Allah, protejo-me em Allah, entrego-me para Allah, pois não há mudança e nem poder a não ser por Allah.”

 

3-Umm Salamah disse que ao sair de casa, o Profeta (SAW) dizia:

 

اللَّهُمَّ إِنِّي أَعُوذُ بِكَ أَنْ أَضِلَّ أَوْ أُضَلَّ ، أَوْ أَزِلَّ أَوْ أُزَلَّ ، أَوْ أَنْ أَظْلِمَ أَوْ أَنْ أُظْلَمَ ، أَوْ أَنْ أَجْهَلَ أَوْ أَنْ يُجْهَلَ عَلَيَّ

 

Allahumma innii ³auzhu bika an adhilla, au udhalla, au azilla, au uzalla, au na adhlima, au udhlama, au ajhala, au yujhala ³aleiia

 

“Ó Allah, busco proteção em Ti para que não me extravie ou que não me extraviem, para não cometer erros ou ser levado a cometê-los, para não oprimir ou ser oprimido, para não ser ignorante ou ser tratado com ignorância.”

 

Súplica ao entrar em casa

1-Jaber relatou que o Profeta (SAW) disse: “Quando um homem se lembra de Allah ao entrar em sua casa e comer suas refeições, o diabo dirá aos outros demônios: Vocês não terão lugar para dormir, nem comida para comer. Mas quando a pessoa não se lembra de Allah ao entrar em sua casa o diabo dirá: Esta noite, o lugar do descanso está garantido. E quando ele não se lembra de Allah ao comer, o diabo dirá: O lugar de descanso e a comida estão garantidos essa noite.”

2-Abu Malik Al-Achaari relatou que o Profeta (SAW) disse: "Ao entrar em casa, a pessoa deve dizer:

 

اللَّهُمَّ إِنِّي أَسْأَلُكَ خَيْرَ الْمَوْلَجِ ، وَخَيْرَ الْمَخْرَجِ ، بِسْمِ اللهِ وَلَجْنَا ، وَبِسْمِ اللهِ خَرَجْنَا ، وَعَلَى اللهِ رَبِّنَا تَوَكَّلْنَا

 

Allahumma inni as-aluka khaira al-maulaji wa khaira al makhraji. Bismillahi walajna, wa bismillahi kharajna, wa ala rabbina tawakalna

 

“Ó Allah, imploro-Te uma boa entrada e uma boa saída. Em nome de Allah! Nós entramos em nome de Allah! Nós saímos em nome de Allah e em nosso Senhor nos apoiamos.”

 

Então, a pessoa deve cumprimentar a sua família.”

3-Anas relatou que o Profeta (SAW) disse-lhe: “Ó meu filho, ao entrar em casa, cumprimente a sua família e diga: Assalamu Alaikum (que a paz esteja convosco), assim, você trará bênçãos para ti e para sua família.”<--PAGEBREAK-->

 

Súplica ao ver algo no seu próprio patrimônio

Ao ver algo agradável na sua família ou no seu patrimônio, a pessoa deve dizer:

 

ما شاء الله، لا قُوَّةَ إلا بالله

 

Ma chaa Allah, la quwata illa billah

 

“Seja o que Allah quiser; não existe poder senão de Allah.”

 

Ao ver algo desagradável, deve dizer:

 

الحَمْدُ لِلَّهِ عَلى كُلِّ حال

 

Alhamdu lillah ala kulli Hal

 

“Louvado seja Allah em todas as circunstâncias.”

 

Allah diz: “Por que quando entrastes em teu parreiral não dissestes: Seja o que Allah quiser; não existe poder senão de Allah” (Alcorão 18:39).

Anas relatou que o Profeta (SAW) disse: “Aquele que vê uma graça de Allah em sua família, em seus filhos ou em sua riqueza e diz:

 

ما شاء الله، لا قُوَّةَ إلا بالله

 

Ma chaa Allah, la quwata illa billah.]

 

“Seja o que Allah quiser; não existe poder senão de Allah.”

 

Essa graça recebida não sofrerá nenhum dano até a sua morte.”

Ao ver ou ouvir algo agradável, o Profeta (SAW) dizia:

 

الحَمْدُ لِلهِ الَّذي بِنِعْمَتِهِ تَتِمُّ الصَّالِحات

 

Alhamdu lillahi allazhi bini’matihi tatimmu assalihat

 

“Louvado seja Allah que através de Sua graça as boas ações são completadas.”

 

E quando via ou ouvia algo desagradável, ele (SAW) dizia:

 

الحَمْدُ لِلَّهِ عَلى كُلِّ حال

 

Alhamdu lillah ala kulli Hal

 

“Louvado seja Allah em todas as circunstâncias.”

 

Súplica ao olhar no espelho

1-Ali relatou que, ao olhar no espelho, o Profeta (SAW) dizia:

 

الْحَمْدُ لِلَّهِ ، اللَّهُمَّ كَمَا حَسَّنْتَ خَلْقِي فَحَسِّنْ خُلُقِي

 

Alhamdu lillah, allahumma kama hassanta khalqi fahassin khuluqi

 

“Louvado seja Allah. Ó Allah, aperfeiçoa meu caráter como Tu aperfeiçoaste o meu corpo.”

 

2-Anas relatou que, ao olhar no espelho, o Profeta (SAW) dizia:

 

الْحَمْدُ لِلَّهِ الَّذِي سَوَّى خَلْقِي فَعَدَلَهُ ، وَكَرَّمَ صُورَةَ وَجْهِي فَحَسَّنَهَا ، وَجَعَلَنِي مِنَ الْمُسْلِمِينَ

 

Alhamdu lillahi Allazhi sauwa khalqi fa’adalahu, wa karrama surata wajhi fahassanaha, wa jaalani minal-muslimin

 

“Louvado seja Allah que aperfeiçoou meu corpo e minha face, e fez-me entre os muçulmanos.”

 

Súplica ao ver alguém sob uma adversidade

Abu Hurairah relatou que o Profeta (SAW) disse: “Aquele que vê alguém sob uma adversidade e diz:

 

الْحَمْدُ لِلَّهِ الَّذِي عَافَانِي مِمَّا ابْتَلَاكَ بِهِ وَفَضَّلَنِي عَلَى كَثِيرٍ مِمَّنْ خَلَقَ تَفْضِيلًا

 

Alhamdu lillahi allazhi aafani mimma ibtalaka bihi, wa fadhalani ala kathirin mimman khalaqa tafdhilan

 

“Louvado seja Allah, que me poupou das adversidades que estão sobre você e me favoreceu sobre muitas de Suas criaturas.”

 

Não será atingido por essas adversidades.”

An-Nawawi disse que essa súplica deve ser dita em silêncio para a pessoa afligida não ouvir e sofrer com isso, a menos que essa adversidade seja uma desobediência a Allah.

 

Súplica ao ouvir o canto do galo, o zurro de um asno ou o latido de um cachorro

Abu Hurairah relatou que o Profeta (SAW) disse: “Se escutarem o zurrar de um asno, busquem refúgio em Allah do Satanás, pois ele viu um satanás. Se escutarem os cantares dos galos, peçam a Allah por Sua bondade, pois estes viram um anjo.”

O Profeta (SAW) também disse: “Se escutarem o latido dos cachorros e o zurrar dos asnos à noite, então busquem refúgio em Allah, pois eles vêem o que vocês não vêem.”<--PAGEBREAK-->

 

Súplica dita durante um vendaval

Abu Hurairah relatou que o Profeta (SAW) disse: “O vento é uma misericórdia de Allah; ele traz a Sua misericórdia ou a Sua ira. Então, não o faleis mal, mas implorai a Allah pelo seu bem e pela a proteção contra o seu mal.”

Aicha relatou que, durante um vendaval, o Profeta (SAW) dizia:

 

اللَّهُمَّ إِنِّي أَسْأَلُكَ خَيْرَهَا وَخَيْرَ مَا فِيهَا وَخَيْرَ مَا أُرْسِلَتْ بهِ، وَأَعُوذُ بكَ مِنْ شَرِّهَا وَشَرِّ مَا فِيهَا وَشَرِّ مَا أُرْسِلَتْ بهِ

 

Allahumma innii as‘áluka khairaha wa khaira maa fiiha, wa khaira maa úrsilat bihi wa a³uzhu bika min charriha, wa charri maa fiiha wa charri maa úrsilat bihi

 

“Ó Allah eu imploro pelo seu bem, pelo bem que nele está e pelo bem que foi enviado com ele. Protejo-me em Ti de seu mal, do mal que está nele e do que foi enviado com ele.”

 

Súplica ao ver o crescente lunar

Abdullah Ibn Omar relatou que, ao ver o crescente lunar, o Profeta (SAW) dizia:

 

اللهُ أكبَرُ ! اللَّهُمَّ أَهِلَّهُ عَلَيْنَا بِالأَمْنِ وَالإِيمَانِ , وَالسَّلامِ وَالإِسْلامِ , وَالتَّوْفِيقِ لِمَا تُحِبُّ وَتَرْضَى , رَبُّنَا وَرَبُّكَ اللهُ

 

Allahu Akbar, Allahumma ahíllahu ³alaina bil amni, wal imán, was salami wal islam, wat taufiqi lima tuhibbu wa tardha. Rabbuna wa rabbuka Allah

 

“Allah é o maior! Ó Allah permita-o que surjas sobre nós com segurança, fé, paz, Islam e de acordo com o que Tu amas e gostas. E Allah é o nosso Senhor!”

 

Qatadah relatou que, ao ver o crescente lunar, o Profeta (SAW) dizia (três vezes):

 

هِلالُ خَيْرٍ وَرُشْد، آمَنْتُ باللهِ الَّذي خَلَقَكَ

 

Hilalu khairin wa ruchd, amantu billahi allazhi khalaqaka

 

“Mês de benção e orientação, creio em Allah que te criou.”

 

Depois ele (SAW) dizia:

 

الحَمْدُ للهِ الَّذي ذَهَبَ بِشَهْر كَذا وَجاءَ بِشَهْرِ كَذا

 

Alhamdu lillah allazhi zhahaba bichahri (nome do mês que terminou) wa jaa bichahri (nome do mês que iniciou)

 

“Louvado seja Allah que fez terminar o mês tal e fez iniciar o mês tal.”

 

Súplica durante a angústia e a tristeza

1-Ibn Abbas relatou que o Profeta (SAW), quando estava angustiado, dizia:

 

لَا إِلَهَ إِلَّا اللَّهُ الْعَظِيمُ الْحَلِيمُ ، لَا إِلَهَ إِلَّا اللَّهُ رَبُّ الْعَرْشِ الْكَرِيمِ ، لَا إِلَهَ إِلَّا اللَّهُ رَبُّ السَّمَاوَاتِ وَرَبُّ الْعَرْشِ الْكريم

 

La ilaha illa Allah Al ³adhim Al halim, la ilaha illa Allah rabbul ³archil ³adhim, la ilaaha illa Allah rabbus-samawati wal ardhi wa rabbul ³archil karim

 

“Não há divindade a não ser Allah, o Poderoso, o Tolerante. Não há divindade a não ser Allah, o Senhor do trono poderoso, não há divindade real a não ser Allah, Senhor dos céus e Senhor da terra, Senhor do trono generoso.”

 

2-Anas relatou que, quando estava angustiado, o Profeta (SAW), dizia:

 

يا حَيُّ يا قَيُّومُ بِرَحْمَتِكَ أسْتَغيث

 

Ya haiyu ya qaiyum, birahmatika astaghith

 

“Ó Vivente, ó Auto-Subsistente! Pela Sua misericórdia, eu peço ajuda.”

 

3-Abu Hurairah relatou que, quando estava angustiado, o Profeta (SAW) levantava a sua cabeça para o céu e dizia:

 

يا حَيُّ يا قَيُّوم...

 

Ya haiyu ya Qaiyum...

 

“Ó Vivente, ó Auto-Subsistente...”

 

4-Abu Bakrah relatou que o Profeta (SAW) disse que a súplica do angustiado é:

 

اللَّهُمَّ رَحْمَتَكَ أَرْجُو، فَلاَ تَكِلْنِي إِلَى نَفْسِى طَرْفَةَ عَيْنٍ، وَأَصْلِحْ لِي شَأْنِي كُلَّهُ، لاَ إِلَهَ إِلاَّ أَنْتَ

 

Allahumma ráhmataka arju fala takilni ila nafsi tarfata ³ainin wa aslih

Li cha‘ani kállahu, la ilaha illa Anta

 

“Ó Allah, em Tua misericórdia tenho minha esperança, então não me deixe só, nem por um piscar de olhos e melhora toda a minha situação, não há divindade a não ser Tu.”

 

5-Asmaa Bint Umais relatou que o Profeta (SAW) lhe ensinou umas palavras que deveria falar durante sua angústia por sete vezes:

 

أللهُ أللهُ رَبِّي لا أشْرِكُ بِهِ شَيْئا

 

Allah, Allah rabbi la uchriku bihi chai-a

 

“Allah! Ó Allah, meu Senhor! Eu não O associo a nada.”

 

6-Saad Ibn Abi Waqqas relatou que o Profeta (SAW) lhe disse a súplica do profeta Jonas quando estava no ventre da baleia:

 

لّا إِلَهَ إِلاَّ أَنتَ سُبْحَانَكَ إِنِّي كُنتُ مِنَ الظَّالِمِينَ

 

La ilaha illa anta subhanaka inni kuntu mina adh-dhalimin

 

“Não há divindade a não ser Ti, quão perfeito és Tu que considerava-me entre os injustos.”

 

E disse: “O muçulmano que faz essa súplica terá o seu pedido atendido.”

 

7-Ibn Massud relatou que o Profeta (SAW) disse: “O servo angustiado e triste que diz:

 

اللَّهُمَّ إِنِّي عَبْدُكَ وَابْنُ عَبْدِكَ وَابْنُ أَمَتِكَ نَاصِيَتِي بِيَدِكَ مَاضٍ فِيَّ حُكْمُكَ عَدْلٌ فِيَّ قَضَاؤُكَ أَسْأَلُكَ بِكُلِّ اسْمٍ هُوَ لَكَ سَمَّيْتَ بِهِ نَفْسَكَ أَوْ أَنْزَلْتَهُ فِي كِتَابِكَ أَوْ عَلَّمْتَهُ أَحَدًا مِنْ خَلْقِكَ أَوْ اسْتَأْثَرْتَ بِهِ فِي عِلْمِ الْغَيْبِ عِنْدَكَ أَنْ تَجْعَلَ الْقُرْآنَ رَبِيعَ قَلْبِي وَنُورَ صَدْرِي وَجِلَاءَ حُزْنِي وَذَهَابَ هَمِّي

 

Allahumma inni ³ábduka ibn ³ábdika ibn amatika nassiatii biiyadika, madhin fíia hukmuka, ³adlun fía qadha‘uka, as-aluka bikulli ismin hua laka sammaita bihi nafsaka au anzáltahu fi kitábika, au ³allamtahu ahadan min khalqika au ista‘tharta bihi fii ³ilmil ghaibi ³índaka an taj³alal qur-ana rabii³a qalbii, wa nuura sadrii wa jala-a huznii wa zhahaba hammii

 

“Ó Allah, sou Teu servo, filho de Teu servo e da Tua serva, minha fronte está em Tuas mãos. Teu comando está sobre mim e é justa Tua conclusão sobre mim. Peço-Te por todos os nomes que Lhe pertencem pelos quais Tu és nomeado, pelos que Tu revelaste em Teu livro, por algum daqueles que Tu ensinaste a alguma de Tuas criaturas ou Tu tiveste preservado no conhecimento do Oculto junto de Ti e faze com que o Sagrado Alcorão se torne a primavera do meu coração, a luz do meu peito e a partida da minha tristeza e da minha ansiedade.”

 

Allah tirará a sua angustia e o dará alegria no lugar da tristeza.” <--PAGEBREAK-->

 

Súplica ao encontrar um inimigo ou alguém que possua autoridade

1-Abu Mussa relatou que, quando o Profeta (SAW) temia um povo, dizia:

 

اللَّهُمَّ إِنَّا نَجْعَلُكَ فِي نُحُورِهِمْ، وَنَعُوذُ بِكَ مِنْ شُرُورِهِم

 

Allahumma innaa naj³áluka fii nuhúrihim wa na³uuzhu bika min chururihim

 

“Ó Allah, O colocamos na frente de seus peitos e nos protegemos em Ti de suas maldades.”

 

2-Anas disse que em uma das batalhas, o Profeta (SAW) disse:

 

يَا مَالِكَ يَوْمِ الدِّينِ ، إِيَّاكَ أَعْبُدُ ، وَإِيَّاكَ أَسْتَعِينُ

 

Ya malika yaumid-din, iyyaka aabudu wa iyyaka asta’in

 

“Ó Soberano do Dia do Juízo, só a Ti adoro e só a Ti imploro.”

 

E Anas disse que depois disso viu os inimigos serem atacados pelos anjos pela frente e por trás.

 

3-Ibn Abbas disse:

 

حَسْبُنا اللهُ وَنِعْمَ الوَكيل

 

Hasbuna Allah wa ni’mal wakil

 

“Allah é o bastante para nós e que excelente guardião Ele é.”

 

Essa suplica foi dita por Abraão quando foi atirado ao fogo e foi dita por Muhammad (SAW) quando as pessoas disseram para ele: “Um grande exército concentra-se contra vós” (Alcorão 3:173).

 

Súplica àquele que se depara com algo dificultoso

1-Anas disse que quando o Profeta (SAW) se deparava com algo dificultoso, dizia:

 

اللهُمَّ لا سَهْلَ إلا مَا جَعَلتَهُ سَهْلا وَ أنتَ تَجْعَلُ الحزْنَ إذا شِئْتَ سَهْلا

 

Allahumma la sahla illa maa ja³altahu sahlan wa Anta taja³alul hazna izha chí‘ta sahlan

 

“Ó Allah, não há facilidade a não ser onde Tu a colocaste, Tu fazes a dificuldade tornar-se facilidade, se quiseres.”

 

Súplica para a quitação do débito

1-At-Tirmizhi relatou que um homem veio até Ali e lhe disse que não estava conseguindo pagar suas dívidas e pediu-lhe ajuda para pagá-las. Então, Ali lhe disse que ensinaria uma súplica que o Mensageiro de Allah (SAW) lhe havia ensinado a dizer e que mesmo se sua dívida fosse do tamanho de uma montanha, Allah a quitaria:

 

اللهم اكْفِنِي بِحَلَالِكَ عن حَرَامِكَ وَأَغْنِنِي بِفَضْلِكَ عَمَّنْ سِوَاكَ

 

Allahumma akfini bihalalika ³an haramika wa aghnini bifadhlika ³amman siwaka

 

“Ó Allah, me faça suficiente com Teu lícito contra Teu ilícito e me enriquece através de Teu favor sobre todos além de Ti.”

 

2-Abu Said disse que certa vez o Profeta (SAW) entrou na mesquita e viu um homem chamado Abu Umamah sentado. O Profeta (SAW) lhe perguntou: “Ó Abu Umamah, porque está sentado na mesquita fora do horário da oração?” Ele respondeu que estava preocupado e endividado. O Profeta (SAW), então, lhe disse que ensinaria uma súplica, que ao ser dita Allah lhe deixaria livre da preocupação e quitaria a sua dívida. Então, pediu-lhe que dissesse de manha e de tarde:

 

اللَّهُمَّ إِنِّي أَعُوذُ بِكَ مِنْ الْهَمِّ وَالْحَزَنِ،والْعَجْزِ وَالْكَسَلِ،والْجُبْنِ وَالْبُخْلِ، وغَلَبَةِ الدَّيْنِ، وَقَهْرِ الرِّجَالِ

 

Allahumma inni auzhu bika minal-hammi wal-hazan, wal ajzi wal kassal, wal-jubni wal-bukhli, wa ghalabati al daini wa qahri al rijal

 

“Ó Allah, eu busco proteção em Ti contra a preocupação e a tristeza, contra a fraqueza, a preguiça, a mesquinhez, a covardia, a contração de débitos e a humilhação dos homens.”

 

Abu Umamah disse que fez isso e que Allah o livrou da preocupação e quitou a sua dívida.

 

Súplica para aquele que for afligido por uma calamidade

1-Abu Hurairah relatou que o Profeta (SAW) disse que, ao ser afligida por qualquer calamidade, a pessoa deve dizer:

 

إنَّا لِلهِ وإنَّا إلَيْهِ راجِعون

Inna lillahi wa inna ilaihi raji’un

 

“Nós pertencemos a Allah, e a Ele retornaremos.”

 

2-Abu Hurairah também relatou que o Profeta (SAW) disse: “O crente forte é melhor e mais amado por Allah do que o fraco. E ambos são beneficiados. Continue pedindo a ajuda de Allah e não se desesperes. Se te atingir algum mal, não digas: Se tivesse feito isso ou aquilo, isto não teria acontecido. Mas diga: somente Allah determina e age de acordo com a Sua vontade, porque a frase “se tivesse...” abre as portas para as ações do Satanás.”<--PAGEBREAK-->

 

Súplica para aquele que é atingido pela dúvida

Abu Hurairah relatou que o Profeta (SAW) disse: “O Satanás vem até a pessoa e fala: Quem criou isso? Quem criou aquilo? Até chegar e perguntar: Quem criou o seu Senhor? Em tal situação, a pessoa deve dizer: Auzhu billahi min al Chaitan ar-rajim e parar imediatamente.”

O Profeta (SAW) disse: “As pessoas sempre se interrogam até que elas perguntam: Allah criou as criaturas, mas quem que criou Allah. Aquele que for atingido por isso, deve dizer:

 

آمَنْتُ بالله ورُسُلِهِ

 

Amantu billahi wa russulihi

 

“Eu creio em Allah e em Seus mensageiros.”

 

Súplica da raiva

Sulaiman Ibn Surad disse que estava sentado com o Mensageiro de Allah (SAW) e viu dois homens que se insultavam mutuamente. Um deles ficou com rosto vermelho e jugulares inchadas. O Profeta (SAW) disse que conhecia algumas palavras que, se ele as dissesse, estaria livre daquele estado e disse:

 

أعوذُ باللهِ مِنَ الشَّيْطان الرَّجيم

 

Auzhu billahi min Al-chaitan al rajim

 

“Eu me amparo em Allah contra o maldito Satanás.”

 

Algumas súplicas recomendadas

Aicha disse que dentre as súplicas, o Profeta (SAW) gostava daquelas que eram abrangentes.

1-Anas relatou que o Profeta (SAW) suplicava frequentemente:

 

رَبَّنَا آَتِنَا فِي الدُّنْيَا حَسَنَةً وَفِي الآَخِرَةِ حَسَنَةً وَقِنَا عَذَابَ النَّارِ

 

Rabbana atina fi al-dunya hassanah wa fil-akhirati hassanah wa qina azhaba al-nar

 

“Ó Senhor nosso, concede-nos a graça deste mundo e do futuro e preserva-nos do tormento infernal” (Alcorão 2:201).

 

2-Muslim relatou que o Profeta (SAW) visitou um doente. Ao ver que o homem estava muito fraco e magro, o lhe perguntou: “Você suplicava ou pedia para Allah?” Ele disse que suplicava a Allah dizendo: Ó Allah, se Tu queres me castigar, então me castiga nesse mundo. O profeta (SAW) disse: “Glorificado seja Allah, você não aguenta isso, diga:

 

رَبَّنَا آَتِنَا فِي الدُّنْيَا حَسَنَةً وَفِي الآَخِرَةِ حَسَنَةً وَقِنَا عَذَابَ النَّارِ

 

Rabbana atina fi al-dunya hassanah wa fil-akhirati hassanah wa qina azhaba al-nar

 

“Ó Senhor nosso, concede-nos a graça deste mundo e do futuro e preserva-nos do tormento infernal” (Alcorão 2:201).

 

3-Saad Ibn Abi Waqqas relatou que ouvi o Mensageiro de Allah (SAW) dizer: “Haverá pessoas que vão exagerar nas súplicas. Será suficiente para pessoa dizer:

 

اللَّهُمَّ إِنِّي أَسْأَلُكَ مِنَ الْخَيْرِ كُلِّهِ مَا عَلِمْتُ مِنْهُ وَمَا لَمْ أَعْلَمْ، وَأَعُوذُ بِكَ مِنَ الشَّرِّ كُلِّهِ مَا عَلِمْتُ مِنْهُ وَمَا لَمْ أَعْلَمْ

 

Allahumma inni as-aluka minal-khairi kullihi ma alimtu minhu wama lam aalam, wa auzhu bika mina al-charri kullihi ma alimtu minhu wama lam aalam

 

“Ó Allah, eu imploro por todo o bem que eu conheço e que eu desconheço; e me protejo em Ti de todo mal que eu conheço e que eu desconheço.”

 

4-Zaid Ibn Al-Arqam relatou que o Profeta (SAW) costumava suplicar dizendo:

 

اللَّهُمَّ إِنِّي أَعُوذُ بِكَ مِنَ العَجْزِ وَالكَسَلِ ، وَالجُبْنِ ، وَالبُخْلِ ، وَالهَرَمِ ، وَعَذَابِ القَبْرِ، اللَّهُمَّ آتِ نَفْسِي تَقْوَاهَا ، وَزَكِّهَا أَنْتَ خَيْرُ مَنْ زَكَّاهَا ، أَنْتَ وَلِيُّهَا وَمَوْلاَهَ.اللَّهُمَّ إِنِّي أَعُوذُ بِكَ مِنْ عِلْمٍ لا يَنْفَعُ ، وَمِنْ قَلْبٍ لا يَخْشَعُ ، وَمِنْ نَفْسٍ لا تَشْبَعُ ، وَمِنْ دَعْوَةٍ لا يُسْتَجَابُ لَهَا

 

Allahumma inni auzhu bika minal-ajzi wal-kassal, wal-jubni wal-bukhl, wal-harami wa azhabil-qabr. Allahumma aati nafsi taqwaha wa zakkiha anta khairu man zakkaha, anta waliyuha wa maulaha. Allahumma inni auzhu bika min ilmin la yanfaa, wa min qalbin la yakhchaa, wa min nafsin la tachbaa, wa min daawatin la yustajabu laha

 

“Ó Allah, eu busco proteção em Ti contra a fraqueza, a preguiça, a covardia, a avareza, a velhice e o castigo do túmulo. Ó Allah, concede a piedade a minha alma e a purifica, porque Tu és o Melhor para purificá-la e Tu lhe és Guardião e Dono. Ó Allah, eu busco proteção em Ti contra um conhecimento inútil, um coração insensível, uma alma insatisfeita e uma súplica que não seja atendida.”

 

5-O Profeta (SAW) perguntou aos seus companheiros se queriam se dedicar em fazer súplicas e eles disseram que sim. Então ele (SAW) pediu que dissessem:

 

اللَّهُمَّ أَعِنّاِ عَلَى ذِكْرِكَ وَشُكْرِكَ وَحُسْنِ عِبَادَتِكَ

 

Allahumma a’inna ala zhikrika wa chukrika wa husni ibadatika

 

“Ó Allah, ajuda-nos a lembrar de Ti, a sempre agradecer a Ti e a adorar a Ti da melhor forma.”<--PAGEBREAK-->

 

6-Anas relatou que o Profeta (SAW) disse para que suplicassem frequentemente:

 

يا ذا الجَلالِ وَالإكْرام

 

Ya zhal-jalali wal ikram

 

“Ó Senhor da Majestosidade e da Nobreza.”

 

7-O Profeta (SAW) costumava suplicar dizendo:

 

يا مُقَلِّبَ القُلوبِ ثَبِّتْ قَلْبي عَلى دينِك.

 

Ya muqallibal-qulub thabbit qalbi ala dinik

 

“Ó Transformador dos corações, torna o meu coração firme na Tua fé.”

 

8-Ibn Omar relatou que o profeta (SAW) dizia:

 

اللّهُمَّ ، إِنًّى أَعُوذُ بِكَ مِنْ زَوَالِ نِعْمَتِكً ، وَتَحَوُّلِ عَافِيَتَكَ ، وَفُجَاءَةِ نَقْمَتِكَ ، وَجَمِيعِ سَخَطِكَ

 

Allahumma inni auzhu bika min zawali ni’matika, wa tahawuli afiyatika, wa fuja-ati naqmatika, wa jami’i sakhatika

 

“Ó Allah, busco proteção em Ti contra a declinação das Tuas bondades, a troca da Tua segurança, a Tua inesperada ira e todas as Tuas zangas.”

 

9-Muslim relatou que Fátima veio até o profeta (SAW) para pedir um empregado e o Profeta (SAW) lhe pediu para dizer:

 

اللَّهُمَّ رَبَّ السَّمَوَاتِ وَرَبَّ الأَرْضِ ، وَرَبَّ الْعَرْشِ الْعَظِيمِ ، رَبَّنَا وَرَبَّ كُلِّ شَيْءٍ فَالِقَ الْحَبِّ وَالنَّوَى مُنْزِلَ التَّوْرَاةِ وَالإِنْجِيلِ وَالْقُرْآنِ ، أَعُوذُ بِكَ مِنْ شَرِّ كُلِّ شَيْءٍ أَنْتَ آخِذٌ بِنَاصِيَتِهِ ، اللَّهُمَّ أَنْتَ الأَوَّلُ فَلَيْسَ قَبْلَكَ شَيْءٌ ، وَأَنْتَ الآخِرُ فَلَيْسَ بَعْدَكَ شَيْءٌ ، وَأَنْتَ الظَّاهِرُ فَلَيْسَ فَوْقَكَ شَيْءٌ ، وَأَنْتَ الْبَاطِنُ فَلَيْسَ دُونَكَ شَيْءٌ ، اقْضِ عَنَّا الدَّيْنَ ، وَأَغْنِنَا مِنَ الْفَقْرِ

 

Allahumma rabbas samawaati,wa rabbal ardhi, wa rabbal-archi al-azim, rabbanaa wa rabba kulli chai‘in, faaliqal habbi wannáwaa wa munázzila atauraati wal injiili,wal qur-áan, a³uzhu bika min charri kulli chai‘in Anta áakhizhun binassiatihi. Allahumma Antal áaualu faleissa qablaka chai‘un, wa Antal áakhiru faleissa ba³daka chai‘un, wa Anta Adhdhaahiru faleissa fauqaka chai‘un, Antal baat́inu faleissa dúnaka chai‘un. íqdhi ³annaa addaina wa aghninaa minal faqri

 

“Ó Allah, Senhor dos céus, Senhor da terra, Senhor do trono poderosíssimo, nosso Senhor e Senhor de todas as coisas, da fissura da semente e do caroço da tâmara, Revelador da Torá, do Evangelho e do Alcorão. Busco refúgio em Ti de todos os males das coisas existentes pelas quais Tu és responsável. Ó Allah. Tu és o Primeiro e antes de ti não há nada. Tu és o Último e depois de Ti não haverá nada. Tu és o Evidente e não há nada acima de Ti. Tu és o Oculto e não há nada sob Ti. Quita nossa dívida e enriquece-nos da pobreza.”

 

10-Ibn Massud relatou que o Profeta (SAW) costumava dizer:

 

اللَّهُمَّ إِنِّي أَسْأَلُكَ الْهُدَى وَالتُّقَى وَالْعَفَافَ وَالْغِنَى

 

Allahumma inni as-aluka al huda, wa al tuqa, wal-afaf wal-ghina

 

“Ó Allah, eu imploro-Te a orientação, a temência, a me afastar do pecado e a não precisar de ninguém além de Ti.”

 

 

Invocar bênção para o Profeta (SAW)

 

Allah diz: Em verdade, Deus e Seus anjos abençoam o Profeta. Ó fiéis, abençoai-o e saudai-o reverentemente” (Alcorão 33:56).

Al-Bukhari narrou que Abu Al-Aliyah disse que a oração de Allah é bênção e a oração dos anjos é súplica.

At-Tirmizhi narrou que Sufian Ath-Thauri disse que a oração do Senhor é a misericórdia e a oração dos anjos é o perdão.

Ibn Kathir disse que no versículo citado anteriormente, Allah disse aos Seus servos que Ele e Seus anjos abençoam o Profeta Muhammad e ordena a fazermos o mesmo para que o Profeta (SAW) seja abençoado pelos habitantes dos céus e pelos habitantes da terra.

 

A virtude de invocar bênção sobre o Profeta (SAW):

1-Abdullah Ibn Amr Ibn Al-Ass relatou que ouviu o Profeta (SAW) dizer: “Aquele que invocar uma bênção sobre mim, Allah enviará dez bençãos sobre ele.”

 

2-Ibn Massud relatou que o Profeta (SAW) disse: “No dia do Juízo, a pessoa mais próxima a mim é aquela que invocou mais bênçãos sobre mim.”

 

3-Abu Hurairah relatou que o Profeta (SAW) disse: “Não façais da minha tumba um lugar de festividade, mas invocai as bênçãos para mim, porque vossas bênçãos chegarão até mim, donde quer que estejais.”

 

4-Aus relatou que o Profeta (SAW) disse: “O dia mais proeminente dos dias é o dia de sexta-feira, então, invocai muitas benções sobre mim, nesse dia, pois vossas invocações me serão apresentadas.” Os companheiros lhe perguntaram como é que as invocações chegarão até ele quando estivesse morto e com o corpo decomposto. Ele (SAW) respondeu: “Allah proibiu a terra de decompor os corpos dos Profetas.”

 

5-Abu Hurairah relatou que o Profeta (SAW) disse: “Sempre que alguém invocar bênçãos sobre mim, Allah restaurará a minha alma até que eu responda à sua invocação.”

 

6-Abu Talhah Al-Ansari disse que um certo dia, o Profeta (SAW) chegou-lhes com a alegria vista em seu rosto. Os companheiros perguntaram se ele havia amanhecido alegre e satisfeito. Ele respondeu: “Sim, pois meu Senhor me enviou uma mensagem dizendo que aquele que invocar uma bênção sobre mim, Allah lhe dará dez recompensas, lhe apagará dez pecados, lhe levantará dez degraus e ele terá a mesma bênção.”<--PAGEBREAK-->

 

7-Abu Hurairah relatou que o Profeta (SAW) disse: “Aquele que deseja receber a maior recompensa ao invocar bênçãos sobre nós Ahl Al-Bait (a família do profeta), deve dizer:

 

اللّهُمَّ صَلِّ عَلى مُحَمَّد وأزْواجِهِ أمَّهاتِ المُسْلِمين وذُرِّيَّتِهِ كما صَلَّيْتَ عَلى آل إبْراهيمَ إنَّكَ حَميدٌ مَجيدٌ

 

Allahumma salli ala Muhammad wa azwajihi ummahat al-muslimin wa zhurriyatihi kama sallaita ala ali Ibrahim. Innaka hamidun majid

 

“Ó Allah, exalta Muhammad e suas esposas, as mães dos crentes. E seus descendentes como Tu exaltaste a família de Abraão. Em verdade, Tu és Laudabilíssimo e Munificente.”

 

8-Ubai Ibn Kaab relatou que disse ao Profeta (SAW) que invocava muitas bênçãos para ele mas queria saber o quanto das suas recordações (Zhikr) deveria dedicar a ele. Ele (SAW) disse: “O tanto que você quiser.” Perguntou: Um quarto? Ele (SAW) disse: “O tanto que você quiser e quanto mais, melhor”. Disse ainda: A metade? Ele (SAW) disse: “O tanto que você quiser e quanto mais, melhor”. Disse: Então, dois terços? Ele (SAW) disse: “O tanto que você quiser e quanto mais, melhor”. Disse: Ó Mensageiro de Allah, vou dedicar todas minhas recordações a ti. O Profeta (SAW) disse: “Assim, você não terá nenhuma angústia e seus pecados serão perdoados”.

 

Invocar bênção sobre o profeta (SAW) é um ato obrigatório?

Alguns sábios dizem que as pessoas devem invocar bênção sobre o Profeta (SAW) dizendo “Salla Allahu Alaihi wa sallam” cada vez que o nome do Profeta (SAW) é mencionado.

Abu Hurairah relatou que o Profeta (SAW) disse: “Que seja humilhado aquele, que meu nome foi mencionado na sua presença e não invocar bênção sobre mim. Que seja humilhado aquele que presenciou Ramadan e seus pecados não foram perdoados. Que seja humilhado aquele que seus pais alcançaram a velhice e não o levaram para o Paraíso. ”

Abu Zhar relatou que o Profeta (SAW) disse: “O miserável é aquele que não invoca bênçãos sobre mim quando o meu nome é prenunciado em sua presença.”

Alguns outros sábios dizem que em uma reunião que o nome do Profeta (SAW) for mencionado por várias vezes, a pessoa é obrigada a invocar bênçãos sobre o Profeta (SAW) apenas na primeira vez e nas outras vezes, esse ato é voluntário.

Abu Hurairah relatou que o Profeta (SAW) disse: “As pessoas que participam em uma reunião e não recordam de Allah e nem invocam bençãos para o Seu Profeta, vão se arrepender no Dia do Juízo e Allah pode puni-las ou perdoa-las.”

 

Ao escrever o nome do Profeta (SAW), devemos escrever: Salla Allahu alaihi wa sallam?

Escrever “Salla Allahu alaihi wa sallam” quando o nome do Profeta (SAW) for escrito é um ato recomendado, mas não é obrigatório.

Al-Khatib Al-Baghdadi disse que leu vários livros de Ahmad Ibn Hanbal e em muitas vezes não estava escrito “Salla Allahu alaihi wa sallam” ao lado do nome do Profeta e que lhe contaram que ele falava “Salla Allahu alaihi wa sallam” verbalmente.”

 

Devemos falar “Salla Allahu alaihi wa sallam” por completo?

An-Nawawi disse que a pessoa deve falar “Salla Allahu alaihi wa sallam” por completo. Isso que dizer a pessoa não pode falar apenas: “Salla Allahu alaihi” ou “Alaihi Assalam”.”

 

Invocar bênçãos sobre os outros profetas:

Invocar bênção sobre os profetas e os anjos é um ato recomendado.

Podemos invocar bênçãos sobre as pessoas que não são profetas, mas não separadamente, por exemplo: Podemos falar: “Allahumma salli ala Muhammad wa azwajih ummahat al-muslimin.” Mas não podemos falar: “Omar salla Allahu alaihi wa sallam.”

 

O modo de invocar bênção sobre o Profeta (SAW):

Abu Massud Al-Badri relatou que Bachir Ibn Saad perguntou ao Profeta (SAW) como poderiam invocar as bênçãos sobre ele e o Profeta (SAW) disse:

 

اللّهُـمَّ صَلِّ عَلـى مُحمَّـد، وَعَلـى آلِ مُحمَّد، كَمـا صَلَّيـتَ عَلـى إبْراهـيمَ وَعَلـى آلِ إبْراهـيم، إِنَّكَ حَمـيدٌ مَجـيد ، اللّهُـمَّ بارِكْ عَلـى مُحمَّـد، وَعَلـى آلِ مُحمَّـد، كَمـا بارِكْتَ عَلـى إبْراهـيمَ وَعَلـى آلِ إبْراهيم، إِنَّكَ حَمـيدٌ مَجـيد .

 

Allahumma salli ala Muhammad wa ala aali Muhammad, kama sallaita ala Ibrahim wa ala aali Ibrahim, innaka hamiidun majiid. Allahumma baarik ala Muhammad wa ala aali Muhammad, kama baarakta ala Ibrahim wa ala aali Ibrahim, innaka hamiidun majiid

“Ó Allah exalta Muhammad e sua família assim como Tu exaltaste Abraão e família de Abraão, em verdade Tu és o Laudabilissimo, Munificente. Ó Allah abençoa Muhammad e sua família assim como Tu abençoaste Abraão e a família de Abraão, em verdade Tu és o Laudabilissimo, Munificente”

 

 

Navegação de Artigos:
<< Artigo Anterior || Próximo Artigo >>

Compartilhar esse Artigo:
Url
BBCode
HTML

Centro Islâmico de Taubaté © 2009-2017, todos os direitos reservados.
Rua Benedito Silveira Moraes, 221, Bairro Jardim do Sol - Taubaté - SP. CEP: 12070-290. Fones: (12) 3624-8602 / 3411-1940.
E-mail:
siteluzdoislam@gmail.com

2,428,583 visitas únicas

site desenvolvido por www.wsdbrasil.com.br

Powered by PHP-Fusion copyright © 2002 - 2017 by Nick Jones. Released as free software without warranties under GNU Affero GPL v3