Fones: (12) 3624-8602 / 3411-1940
Email: siteluzdoislam@gmail.com

Hierarquia dos Artigos
Início dos Artigos » Profeta Muhammad SAAW » O Caráter do Profeta (S)
Tamanho da Fonte
O Caráter do Profeta (S)
O CARÁTER DO PROFETA (S)

Dr. Mohamad Jamil Zino.

Tradução: Prof. Samir El Hayek.
A Conduta do Profeta (S)
Ahadice Quanto ao Caráter...
As Súplicas do Profeta (S) Quanto a ter Bom Caráter
O Perdão em Tempos de Disputa
A Humildade do Profeta (S)
Ahadice Quanto à Humildade
O Destino do Arrogante
A Clemência do Profeta (S)
A Raiva e as Maneiras de a Controlarmos
Os Milagres do Profeta (S)
A Paciência do Profeta (S)
A Bondade do Profeta (S)
Ahadice Quanto à Gentileza
A Coragem do Profeta (S)
A Misericórdia, de Acordo com o Profeta (S)
A Misericórdia do Profeta (S) Para com os Animais
A Imparcialidade do Profeta (S)
A Generosidade do Profeta (S)
A Modéstia, de Acordo com o Profeta (S)




O Caráter do Profeta (S)

Tu construíste para eles um pilar de boas maneiras,
Mas eles menosprezaram esse pilar,
E ele se desmantelou, em destroços,
E (vede:) a honra deles era salvaguardada por ele;
Boas maneiras deveras merecem o mais digno respeito.


A Conduta do Profeta (S)

1. Allah (SWT) diz: “... tivesses tu sido insociável ou de coração insensível, eles se teriam afastado de ti. Portanto, indulta-os, implora o perdão para eles e consulta-os nos assuntos (do momento). E quando te decidires, encomenda-te a Allah, porque Allah aprecia aqueles que (a Ele) se encomendam” (Alc. 3:159).
2. Allah (SWT) diz também: “Porque és de nobilíssimo caráter” (Alc. 68:4).
3. “A conduta do Profeta (S) era o próprio Alcorão.” [Musslim.]
4. “A mais odiosa das condutas, para ele, era a pessoa falar mentiras.” [Sahih, transmitido por Al Baihaqui.]
5. O Profeta (S) não era indecente nem vulgar; ele costumava dizer: “O melhor dentre vós é aquele de melhor conduta.” [Bukhári e Musslim.]
6. Anas narrou: “O Mensageiro de Allah (S) não era indecente; não insultava as pessoas, nem abusava (delas).
7. “O Profeta (S) era o mais formoso dos indivíduos, e o melhor deles em conduta.” [Transmitido por Bukhári.]
8. Abu Huraira narrou: “Alguém disse para o Profeta (S): ‘Ó Mensageiro de Allah, invoca uma maldição sobre os politeístas!’ Ele replicou: ‘Na verdade eu não fui enviado para amaldiçoar, mas fui enviado como misericórdia.’” [Musslim.]
9. “O Profeta (S) era otimista, não pessimista; ele era afeiçoado aos bons nomes (que indicavam otimismo).” [Sahih, transmitido por Ahmad.]
10. Amr Ibn al As narrou: “O Profeta (S) voltava o rosto para mim enquanto falava, tanto que pensei que eu fosse o melhor dos indivíduos.” Uma ocasião, a seguinte conversa teve lugar entre ele e o Profeta (S):
Amr Ibn al As: “Ó Mensageiro de Allah, quem é melhor, eu ou Abu Bakr?”
O Profeta (S): “Abu Bakr.”
Amr Ibn al As: “Ó Mensageiro de Allah, quem é melhor, eu ou Ômar?”
O Profeta (S): “Ômar.”
Amr Ibn al As: “Ó Mensageiro de Allah, quem é melhor, eu ou Otman?
O Profeta (S): “Otman.”
Amr Ibn al As: “Assim, quando eu perguntei (aquelas coisas) ao Profeta (S), ele foi tão franco, que eu desejei não lhas ter perguntado.” [Narrado por Tirmizi e graduado hasan por Al Albani.]
11. Ata Ibn Yassar narrou: “Encontrei-me com Abdullah Ibn Amr al ‘As, e lhe disse: “Conta-me a descrição do Profeta (S), na Tora.” Ele disse ‘Juro por Allah que ele é descrito na Tora, do mesmo jeito com que é descrito no Alcorão: “Ó Profeta, em verdade, enviamos-te como testemunha, alvissareiro e admoestador’” (Alc. 33:45).
Semelhantemente, ele é descrito na Tora1: “Tu és um protetor das gentes comuns, e és Meu servo e Meu mensageiro; denominei-te aquele que confia (em Mim). Não és áspero ou grosseiro, mas falas afavelmente. Não irás pagar o mal com o mal, mas irás desculpar e perdoar; e Allah não te irá levar embora até que te tenha usado para endireitar a crença desviada, a fim de que as pessoas clamem: ‘Não há outra divindade além de Allah’ e, portanto, para que se abram os olhos cegos, se desobstruam ouvidos moucos, e se amoleçam corações empedernidos.” [Bukhári.]
12. Aicha (R) narrou: “O Mensageiro de Allah (S) nunca desperdiçava a oportunidade de escolher a mais fácil, dentre duas coisas, contanto que nenhum pecado estivesse envolvido. Contudo, se estivesse, não havia ninguém que dela mais se afastasse do que ele. O Mensageiro
Navegação de Artigos:
<< Artigo Anterior || Próximo Artigo >>

Compartilhar esse Artigo:
Url
BBCode
HTML

Centro Islâmico de Taubaté © 2009-2017, todos os direitos reservados.
Rua Benedito Silveira Moraes, 221, Bairro Jardim do Sol - Taubaté - SP. CEP: 12070-290. Fones: (12) 3624-8602 / 3411-1940.
E-mail:
siteluzdoislam@gmail.com

2,253,106 visitas únicas

site desenvolvido por www.wsdbrasil.com.br

Powered by PHP-Fusion copyright © 2002 - 2017 by Nick Jones. Released as free software without warranties under GNU Affero GPL v3