Fones: (12) 3624-8602 / 3411-1940
Email: siteluzdoislam@gmail.com

Hierarquia dos Artigos
Início dos Artigos » Convertidos ao Islam » Produtor de filme de insulto ao Profeta Muhammad aceita o Islam
Tamanho da Fonte
Produtor de filme de insulto ao Profeta Muhammad aceita o Islam

http://www.kavkazcenter.com/eng/content/2013/04/23/17712_1.jpgNa Foto: Arnoud Van Doorn na mesquita do Profeta Muhammad (SAAS) em Medina (ele é o terceiro a partir da esquerda)

Ex islamófobo holandês e um ex-membro líder do partido de extrema-direita político holandês Geert de Wilders, Arnoud Van Doorn visitou a Mesquita do Profeta em Medina para orar e pedir desculpas para fazer parte de um filme blasfemo, relata Okaz Online.

Doorn foi um dos líderes do Partido da Liberdade, que produziu o filme blasfemo, Fitna.

No mês passado, ele se converteu (reverteu) para o Islã depois de um extenso estudo sobre a religião e sobre o Profeta (que a paz esteja com ele).

Ele disse que a indignação mundial contra o filme o fez estudar sobre o Profeta (que a paz esteja com ele), e o levou à sua conversão.

Dirigiu-se para Meca para realizar a Umrah depois de conhecer os dois imãs da mesquita do Profeta, Sheikh Ali Al-Hudaifi e Sheikh Salah Al-Badar, que o esclareceu sobre a forma de levar a vida como um bom muçulmano e enfrentar os desafios do Islã no Ocidente.

Membro do parlamento holandês e da Câmara Municipal de Haia, Doorn anunciou sua decisão de aceitar o Islã em seu perfil no Twitter. Ele também postou um tweet em árabe, declarando que "não há outro deus senão Allah e Muhammad é Seu Profeta".

Primeiramente, outros usuários receberam a notícia como uma brincadeira. Afinal de contas, um apoiante activo de um inimigo holandês famoso do Islã (Wilders), ele (Doorn) aprovou repetidamente declarações islamofóbicas e ações públicas, e participou pessoalmente delas.

Mas Doorn, que agora serve como um conselheiro regional na Câmara Municipal, em Haia, confirmou pessoalmente a sua decisão de praticar o Islã, em uma carta oficial ao prefeito da cidade.

Mais recentemente, o político entrou com um pedido formal ao prefeito da cidade para lhe permitir realizar as orações obrigatórias dos muçulmanos durante as suas horas de trabalho.

"Eu posso entender, as pessoas estão céticas, especialmente porque isso é inesperado para muitos deles", disse Doorn ao Canal de Satélite Al-Jazeera English.

"Esta é uma decisão muito importante que eu não tomei levianamente."

"Em meu próprio círculo pessoal de amigos, eles sabem que eu venho pesquisando ativamente o Alcorão, Hadith, Sunnah e outros escritos por quase um ano agora", disse ele.

"Além disso, eu tive várias conversas com os muçulmanos sobre a religião."

Impulsionado pelo discurso anti-Islã de seu partido, Doorn decidiu cavar a verdade sobre a religião do Islão por si mesmo.

"Já ouvi tantas histórias negativas sobre o Islã, mas eu não sou uma pessoa que segue a opinião dos outros, sem fazer a minha própria pesquisa", disse ele. "Por isso, eu realmente comecei a aprofundar o meu conhecimento do Islã por curiosidade."

Ele continuou no Conselho de Haia como um candidato independente desde que se separou do partido de Wilders. A decisão de Doorn em abraçar o Islã ganhou reações mistas na Holanda.

Van Doorn reza na mesquita do Profeta Muhammad (saw)



"De acordo com algumas pessoas eu sou um traidor, mas de acordo com a maioria das outras, eu realmente fiz uma decisão muito boa", disse à Al-Jazeera.

"As reações são geralmente positivas e eu também recebi apoio via twitter".

"É bom ver pessoas que não me conhecem pessoalmente compreendendo a minha situação e me apoiando em minha escolha."

Perguntado se ele agora se arrependeu de aderir ao Partido da Liberdade, ele respondeu: "Eu aprendi que cada experiência na vida tem um propósito, no entanto, com o conhecimento que tenho hoje, eu teria, sem dúvida, feito uma escolha diferente."

Para o político holandês ter encontrado o Islam finalmente o guiou para o caminho verdadeiro em sua vida.

"Eu cometi erros na vida como muitos outros. A partir desses erros eu aprendi muito", disse Doorn.

"E pela minha conversão ao Islã, eu tenho a sensação de que eu finalmente encontrei meu caminho. Sei que este é um novo começo e que ainda tenho muito a aprender também."

Artigo Original: http://www.kavkazcenter.com/eng/content/2013/04/23/17712.shtml
Tradução e Adaptação: Grupo Divulga Islam
Navegação de Artigos:
<< Artigo Anterior || Próximo Artigo >>

Compartilhar esse Artigo:
Url
BBCode
HTML

Centro Islâmico de Taubaté © 2009-2017, todos os direitos reservados.
Rua Benedito Silveira Moraes, 221, Bairro Jardim do Sol - Taubaté - SP. CEP: 12070-290. Fones: (12) 3624-8602 / 3411-1940.
E-mail:
siteluzdoislam@gmail.com

2,430,380 visitas únicas

site desenvolvido por www.wsdbrasil.com.br

Powered by PHP-Fusion copyright © 2002 - 2017 by Nick Jones. Released as free software without warranties under GNU Affero GPL v3